BB firma acordo para agenciar governo

O Banco do Brasil e o governo da Bahia formalizam na quinta-feira, acordo por meio do qual o BB passa a ser o agente financeiro do Estado, durante os próximos 60 meses. Além de assumir a folha de pagamento de 253 mil servidores públicos ativos e inativos, pensionistas e estagiários, o Banco do Brasil vai centralizar, em caráter de exclusividade, toda a movimentação financeira pública estadual, que inclui a arrecadação das receitas, impostos, taxas e cobrança da dívida ativa do Estado, e a distribuição dos recursos dos tributos estaduais.

A parceria prevê também que o BB tenha preferência na oferta de produtos, serviços e na concessão de crédito aos servidores, mediante consignação em folha de pagamento. Além disso, o BB poderá contratar operações de câmbio, comércio exterior, repassar empréstimos e transferências feitas por organismos internacionais de crédito. O governo da Bahia passará, ainda, a utilizar o cartão corporativo e o pregão eletrônico do Banco do Brasil (Sistema Licitações-e) para aquisição de bens e serviços.

Para os servidores do Estado, o convênio oferece uma série de vantagens e benefícios como o Plano de Serviços BB com isenção de tarifas, limite de crédito pré-aprovado, desconto especial na contratação do seguro BB Ouro Auto e cartão Ourocard – bandeira Visa ou Mastercard – com carência de seis meses na anuidade.

Na Bahia, o Banco do Brasil está presente com 288 agências, 49 Pontos de Atendimento Avançado, 59 Pontos de Atendimento Bancário, 371 Postos de Atendimento Eletrônico e 2.658 Terminais de Auto Atendimento.

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email