7 de março de 2021

O inferno astral de Wilson Lima

Quando sofreu derrotas políticas na Assembleia Legislativa, o governador Wilson Lima (PSC) irritou-se profundamente, mas não poderia imaginar o que viria a seguir. Logo depois do Natal, no sábado (26), ele viu uma multidão ocupar as ruas do Centro e dos principais bairros da cidade, gritando contra o novo decreto, que restringiu as atividades não essenciais como forma de conter a nova onda de contaminação pela Covid-19. Houve quem tentasse invadir seu condomínio. Um grupo tocou fogo em objetos na frente do veículo de comunicação em que ele trabalhava. Foi tanta confusão que ele se viu obrigado a convocar uma reunião de emergência para a noite daquele dia. Já alta madrugada saiu a definição de flexibilização das medidas. Isso em meio a uma chuva de impropérios nas redes sociais. Para completar, políticos que se opõem a Lima, instigados pela população, vieram a público ataca-lo, aproveitando o momento. Não é definitivamente o fim de ano dos sonhos da autoridade máxima do Estado.

INSANIDADE

Em meio à nova onda de contaminação, o prefeito reeleito de Rio Preto da Eva, município a 70 quilômetros de Manaus e ligado à capital por estrada, decidiu promover dois eventos de multidão na virada do ano: a “Marcha para Jesus” e o Réveillon, anunciando várias atrações. Ainda foi às redes sociais dizer que “as oito unidades básicas de saúde da Prefeitura estão preparadas para atender eventuais problemas”. Desastre total. O Ministério Público tenta na Justiça evitar que ele prossiga com a insanidade.

LIMITANDO

Em cumprimento ao Decreto Governamental n° 43.234, de 23 de dezembro de 2020, que restringiu o funcionamento das atividades não essenciais e estabeleceu novos procedimentos de trabalho nos órgãos públicos estaduais no sentido de conter o avanço da Covid-19, a Secretaria de Estado da Fazenda do Amazonas limitou o atendimento ao público externo a partir de ontem. Serão atendidos na sede da secretaria, assim como em seus postos e agências do interior, apenas demandas em que  o contribuinte ou seu representante legal não consiga realizar virtualmente. 

QUEM CHEGA

A criação de mais 250 postos de trabalho para o período de 2021 a 2024 em Manaus é uma das ações que fazem parte do plano de expansão da multinacional Michelin. O plano foi apresentado durante reunião na Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico, Ciência e Tecnologia, na Cachoeirinha, zona sul de Manaus. Em formato híbrido (presencial e on-line), a reunião também teve a participação de representantes da multinacional em São Paulo (SP).

detran

RECORDE

O Departamento Estadual de Trânsito do Amazonas fecha o ano de 2020 com o resultado positivo dos quatro leilões virtuais realizados pelo órgão. Mesmo com a pandemia, foram vendidos mais de 3.600 veículos, o que representou um crescimento de 50% em relação às vendas realizadas em 2019. O certame do mês de outubro foi o maior da história, com 1.051 veículos leiloados.

REDUZINDO

O Instituto Estadual de Defesa do Consumidor informou que os atendimentos na sede do órgão, localizado na avenida André Araújo, 1.500, Aleixo, ocorrerão das 8h às 14h até o dia 10 de janeiro de 2021, período de vigência do Decreto n° 43.234, que estabelece medidas para o enfrentamento da Covid-19 no Amazonas. 

PRORROGAÇÃO

A Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico, Ciência, Tecnologia e Inovação prorrogou para a data de 31 de março de 2021 o prazo de validade dos Laudos Técnicos de Inspeção para as empresas que recebem os incentivos fiscais do Polo Industrial de Manaus.

abacaxi

ABACAXI

O abacaxi da região de Novo Remanso, distrito do município de Itacoatiara (distante 176 quilômetros de Manaus), foi destaque nacional neste ano de 2020. Em junho, o fruto recebeu o selo de Indicação Geográfica, na categoria Indicação de Procedência, do Instituto Nacional de Propriedade Industrial. E, em novembro, o cultivo de abacaxi de Novo Remanso foi declarado Patrimônio Cultural de Natureza Imaterial do Amazonas, por meio da Lei nº 5.306, sancionada pelo governador Wilson Lima.

PÓS-GRADUAÇÃO

O Governo do Amazonas, por meio da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado, intensifica a formação de recursos humanos no estado. Em parceria com a Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal, a fundação está apoiando programas de pós-graduação em áreas prioritárias no Amazonas, com oferta de bolsas de estudos em níveis altamente qualificados e auxílio financeiro para fortalecer a pós-graduação e a pesquisa no estado.

FRASES

comissão

“Dos 11 hospitais particulares de Manaus, sete já não têm mais vaga nas UTIs dessas unidades de saúde.” Wilson Lima (PSC), governador do Amazonas

“Faremos a posse possível, com apenas um convidado meu, do Marcos Rotta e dos vereadores.” David Almeida (Avante), prefeito eleito de Manaus, sobre a solenidade prevista para o dia primeiro

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email