Estação das Docas, ponto de encontro em Belém

A Estação das Docas é um dos pontos turísticos mais importantes de Belém e referência nacional na recuperação do patrimônio histórico. Cada vez mais se consolida como local de encontro de turistas e moradores para momentos de lazer. É lá que jovens de todas as idades de encontram para relaxar ao cair da tarde, namorar ou simplesmente apreciar a maravilhosa vista proporcionada pelas águas do rio Amazonas.

Resultado de um investimento de R$ 19 milhões do governo estadual, a Estação das Docas foi a primeira janela para o rio, que veio para valorizar a capital paraense, em sua relação com os visitantes e com ribeirinhos, barqueiros e demais que, nas cidades amazônicas, fazem do rio suas ruas. O espaço já chegou a receber diariamente cerca de duas mil pessoas, e gerou 600 empregos diretos e 1.800 indiretos.

Enriquecido com características amazônicas o complexo turístico e cultural é composto por 500 metros de orla fluvial do antigo porto de Belém, cuja construção foi iniciada pelo engenheiro e advogado norte-americano Percival Farqhuar em 1906. São 32 mil metros quadrados divididos em três armazéns e um terminal de passageiros. O Armazém 1 foi batizado de Boulevard das Artes. O Armazém 2 passou a ser o Boulevard da Gastronomia. O Armazém 3 é conhecido como Boulevard das Feiras e Exposições.

O complexo possui, ainda, o Teatro Maria Silvia Nunes, com capacidade para 428 lugares, e o anfiteatro do Forte de São Pedro Nolasco. Todos passaram por um criterioso processo de restauração, realizado pelo arquiteto Paulo Chaves, então secretário de Cultura, que assina outras obras importantes de revitalização do patrimônio paraense, como o antigo presídio São José Liberto, hoje Pólo Joalheiro, o Complexo Feliz Lusitânia, que resulta de um conjunto de obras na Cidade Velha. 

Os três galpões que deram lugar à Estação das Docas, são em ferro inglês, um exemplo da arquitetura característica da segunda metade do século XIX. Já os guindastes externos, marcas registradas da Estação, foram fabricados nos Estados Unidos, no começo do século 20. Também desperta atenção uma máquina a vapor de meados de 1800, que antes fornecia energia para os equipamentos do porto. 

As ruínas do Forte de São Pedro Nolasco, onde foi construído um Anfiteatro, foram originalmente construídas para a defesa da orla em 1665. O espaço foi destruído após o Movimento da Cabanagem, em 1825, e revitalizado para a inauguração da Estação. 

A Estação das Docas é hoje um dos produtos turísticos prioritários da cidade e sempre levado a feiras e eventos pela Companhia Paraense de Turismo (Paratur). Em julho de 2011, no Salão do Turismo – Roteiros do Brasil, em São Paulo, uma réplica da Estação encantou os visitantes da feira, que contou com a visitação de aproximadamente 100 mil visitantes.

SEMINÁRIOS

A ABAV Nacional deu sequência nesta quarta-feira (26/05) à agenda de  seminários virtuais promovidos pelo seu Instituto de Capacitação e Certificação (ICCABAV). O tema da vez foram os desafios do home Office, com a participação de nomes bastante conhecidos do mercado. Como forma de auxiliar o trabalho remoto dos agentes de viagens, Sabrina Moretti e Rodrigo Vaz fizeram uma apresentação sobre o Portal GJP Agentes, plataforma que dá acesso a todo o inventário das marcas da rede hoteleira para que os profissionais possam se preparar para a venda e divulgação dos produtos por meio de conteúdo rico em informações, vídeos e fotos.

CERTIFICADO

O SERHS Natal Grand Hotel & Resort, localizado na Via Costeira, em Natal, acaba de ganhar o Certificado Traveller’s Choice 2021 do Tripadvisor,  um dos mais importantes prêmios do   TripAdvisor, que avalia os melhores hotéis do mundo, sendo reconhecido entre as melhores empresas com base nas avaliações de viajantes em 2020. Segundo o diretor geral do GRUP SERHS no Brasil, Willian Lass, o prêmio Traveller’s Choice 2021 confirma o reconhecimento do trabalho desenvolvido por uma equipe de colaboradores e serviço de excelência, padrão cinco estrelas, neste ano de tantos desafios.

JOÃO PESSOA

A Secretaria de Turismo de João Pessoa abriu nesta semana o calendário de participação nas principais feiras de turismo do Brasil. Desde segunda-feira (24), a capital paraibana está sendo ‘apresentada’ para as maiores operadoras e agências de viagens do Brasil durante a BNT Mercosul, evento que está sendo realizado até sexta-feira (28) em Balneário Camboriú (SC). O evento é híbrido e tem mais de dois mil inscritos. O diretor de Marketing da SETUR-JP, Mauro Roballo, participou de uma capacitação para agentes de viagens de forma presencial e online, dividindo o tempo de uma hora em parceria com a PBTur (Empresa Paraibana de Turismo). 

MUDANÇA

Localizado na cidade de São Paulo, o WZ Hotel Jardins tem nova gerente comercial. Andreia Menezes assume o cargo para fortalecer a marca WZ Hotel Jardins e fazer o empreendimento alcançar ainda mais destaque no mercado hoteleiro. “Pretendo aumentar o share no segmento corporativo, alavancar ainda mais o canal de venda direta e fortalecer o mix de clientes”, afirma a executiva. Formada em hotelaria e pós-graduada em gestão estratégica de negócios pela FMU, Andreia construiu uma história de sucesso dentro do WZ Hotel Jardins. Começou sua trajetória aos 19 anos como estagiária. 

SUMMIT INN

Foto: Divulgação

A Summit Hotels anuncia o segundo empreendimento no estado de Minas Gerais. Após iniciar a operação do resort em Caldas  – Pocinhos  do Rio Verde, desde janeiro último, a partir de julho entra em operação o Summit Inn Pouso Alegre. Com excelente localização, o hotel está situado na área central da cidade de Pouso Alegre, ficando a cerca de 10 minutos de caminhada do Teatro Municipal  e do Parque José Bento. As comodidades presentes incluem jornais de cortesia no saguão, balcão de recepção 24 horas e equipe multilíngue. Possui área especial de 400 metros quadrados contendo espaço para conferência e salas de reunião. 

POLO CUESTA

Foto: Divulgação

A 2L Viagens, empresa coordenada pelo Turismólogo e Guia de Turismo Leonardo Norcia, está organizando um roteiro especial para amantes da natureza, do ecoturismo e do turismo de aventura. Dessa vez, o destino é a região do Polo Cuesta, local super protegido de um dos mais inusitados roteiros ecológicos do estado de São Paulo. O Polo Cuesta é uma das mais importantes reservas ecológicas paulistas e está situado nos arredores dos municípios de Bofete, Botucatu e Pardinho, além de mais 6 cidades. A região é um berço completo de natureza intocada e um cenário de extraordinária beleza cênica.

Foto/Destaque: Divulgação

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email