Embratur e a cultura brasileira

A cultura de um país é um dos fatores determinantes que o define diante do mundo. No caso do Brasil, a cultura é resultado da influência de vários povos e etnias e das características predominantes em cada região.
A Embratur (Instituto Brasileiro de Turismo) investe na cultura como fator diferencial no mercado turístico mundial e trabalha para aperfeiçoar a difusão da cultura como uma ferramenta de promoção do País no exterior. O Instituto tem o objetivo de ampliar o conhecimento do mundo acerca da cultura brasileira, destacando o modo de viver da população brasileira, a literatura, os museus, os filmes e peças teatrais, a música e as festas que celebram a brasilidade.
“Essa miscigenação de culturas regionais é o que faz do Brasil único e que atrai turistas de todos os Continentes. Na Embratur, trabalhamos arduamente para promover e difundir a cultura brasileira pelo mundo”, destaca Vicente Neto, presidente da Embratur.
A diversidade cultural brasileira é um dos atrativos mais requisitados pelos visitantes internacionais que desembarcam no Brasil, segundo estudo do Ministério do Turismo, realizado em 2014. Embora Sol e Praia ainda sejam os principais motivos da vinda ao País, a maior parte (53,4%) dos estrangeiros buscou atividades culturais, como visitas a museus, locais históricos e espaços onde acontecem as tradições e o folclore popular.
Entre os atrativos estão as manifestações típicas arraigadas à cultura da comunidade local, como as festas juninas no Nordeste, que estavam no auge de suas comemorações justamente no período da Copa. Outras manifestações culturais populares e tradicionais no País que costumam chamar a atenção dos visitantes são o Bumba-meu-Boi, o Carimbó, o Frevo, o Samba de Roda, o Maracatu e as Rodas de Capoeira, recém declaradas Patrimônio Cultural da Humanidade pela Unesco. Em suas ações de promoção da cultura brasileira pelo mundo, a Embratur leva diferenciados grupos de manifestações culturais e folclóricas para divulgarem seus trabalhos no exterior.
Segundo a Unesco, o Brasil tem dezoito bens inscritos na lista do Patrimônio Mundial, entre bens materiais e imateriais, pelo valor que representam para a cultura da humanidade. Entre os imateriais estão o Círio de Nazaré, procissão realizada em Belém (PA); o Frevo, dança carnavalesca (PE); o Yaokwa, ritual indígena do povo Enawene- nawe (MT); o museu vivo do Fandango, no sul de São Paulo e norte do Paraná; além das expressões orais e gráficas dos Wajãpis, índios da família linguística dos Tupi-guaranis e que se espalham por diversas regiões do Brasil; também o Samba de Roda do Recôncavo Baiano e as Rodas de Capoeira.

Literatura – A Embratur lançou no começo desse ano uma plataforma digital, Brasil Home, para demonstrar ao turista estrangeiro todas as experiências que ele pode viver ao visitar o Brasil.
“Ao entrar na casa digital da Embratur, o internauta descobre um pouco da cultura brasileira. Além de apreciar obras de arte e ouvir músicas, o internauta pode, gratuitamente baixar grandes clássicos da literatura brasileira disponíveis em três idiomas”, ressalta Vicente Neto.
Em cada cômodo da casa digital, o público acessa conteúdos especiais. Na sala de estar é possível conhecer obras de artes de importantes artistas plásticos brasileiros, como Tarsila do Amaral e Cândido Portinari. Gilberto Gil, Chico Buarque, Cartola, grupo Olodum e Seu Jorge são alguns dos músicos disponíveis no estúdio da Brasil Home. Já na cozinha, o público pode acessar receitas de pratos típicos da culinária do País. Tem ainda o espaço de cinema, onde estão disponíveis trailers de produções nacionais.
Vale destacar que 48 escritores representarão o Brasil no Salão do Livro de Paris 2015. Na 35ª edição do evento, entre 20 e 23 de março, o Brasil será o País homenageado e contará com espaço de 500 metros quadrados destinados à venda, exposição de livros e palestras com autores. Haverá ainda programação cultural paralela.

Gastronomia – A pesquisa realizada pelo Ministério do Turismo durante a Copa do Mundo de 2014, também mostrou que experimentar a culinária brasileira foi uma das atividades mais praticadas (e mais elogiadas) pelos turistas internacionais que passaram pelo País durante o mundial.
Por isso, a gastronomia está, de forma sistemática, na agenda promocional do Brasil no exterior. Sendo assim, desde 2012, a Embratur começou uma grande articulação com o setor e experiências como as edições do Goal to Brasil, que reuniu mais de mil operadores do turismo, em vinte edições distribuídas por diversos países. Em cada evento levou-se pratos típicos da culinária das cidades-sede da Copa do Mundo de 2014.
“A culinária é um item importante da cultura brasileira, pois valoriza o destino turístico e os produtos regionais”, enfatiza o presidente da Embratur. O Instituto também participou das feiras Gastronomika (2012) e Madri Fusión, ambas na Espanha.

Museus – Uma pesquisa realizada pela Embratur mostrou que a principal atividade de lazer do turista que veio para a Copa das Confederações, em junho de 2013, foi cultural e que, entre um jogo e outro, o estrangeiro optou por visitar museus, monumentos e bairros históricos.
A pesquisa revelou que bairros históricos foram procurados por 50,8% dos visitantes estrangeiros. Em segundo lugar, com 39,5%, estão os museus, casas de cultura e exposições. Cerca de 39% dos turistas estrangeiros optaram por passeios em monumentos. Os shows e espetáculos foram assistidos por 15,5%.
Entre os museus visitados, vale destacar o Paço do Frevo, em Recife, o Casa do Pontal, no Rio de Janeiro, e o Inhotim, em Belo Horizonte.
O Paço do Frevo tem curadoria de Bia Lessa e destina-se à difusão da cultura do frevo, além da pesquisa, do lazer, da capacitação e do apoio profissional aos que atuam em favor dela.
Casa do Pontal é considerado o maior e mais significativo museu de arte popular do País. Seu acervo – resultado de quarenta anos de pesquisas e viagens por todo País do designer francês Jacques Van de Beuque – é composto por cerca de 8.000 peças de 200 artistas brasileiros, produzidas a partir do século XX. A exposição permanente do Museu reúne, em 1.500 m2 de galerias, obras representativas das variadas culturas rurais e urbanas do Brasil.
O Inhotim foi idealizado pelo empresário Bernardo Paz em meados da década de 1980. O acervo artístico compreende cerca de 500 obras de mais de 100 artistas de 30 diferentes nacionalidades. Com foco na arte contemporânea produzida a partir dos anos 1960 até os nossos dias, o acervo abrange escultura, instalação, pintura, desenho, fotografia, filme e vídeo.

Patrimônio Cultural – A Embratur possui um projeto de Promoção dos 12 Patrimônios Culturais da Unesco no Brasil nos mercados prioritários de emissão de turistas para o País. Para isso, o Instituto vem desenvolvendo uma série de atividades, como a realização de workshops, press trips, material promocional, e exposições sobre o tema. Além disso, promove a participação de grupos culturais locais em feiras e eventos internacionais do Instituto.
“Divulgar nossos patrimônios históricos e culturais é valorizar ainda mais a cultura brasileira e destinos de todas as regiões do País,” comenta o presidente da Embratur.
Os 12 sítios brasileiros reconhecidos pela Unesco como Patrimônio Cultural da Humanidade são: o Plano Piloto de Brasília (DF) – primeiro patrimônio da Era Contemporânea no mundo; o Centro Histórico da Cidade de Goiás (GO); o Centro Histórico de Olinda (PE); o Centro Histórico de São Luís (MA); os Centros Históricos de Diamantina e de Ouro Preto (MG); o Santuário de Bom Jesus de Matosinhos em Congonhas (MG); o Centro Histórico de Salvador (BA); o Parque Nacional da Serra da Capivara em São Raimundo Nonato (PI); as Ruínas Jesuítico-Guaranis de São Miguel das Missões (RS); a Praça de São Francisco na cidade de São Cristóvão (SE) e o Rio de Janeiro, primeira cidade do mundo a ser reconhecida no segmento de Paisagem Cultural, pela simbiose entre ocupação humana e natureza na cidade do Rio.

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email