Comando Militar da Amazônia recebe novo comandante

Nesta sexta-feira, 10, a partir das 9h, acontece mais uma mudança no CMA (Comando Militar da Amazônia) quando o general de Exército Achilles Furlan Neto assume o comando no lugar do também general de Exército Estevam Cals Theophilo Gaspar de Oliveira. A solenidade ocorrerá no quartel-general do CMA, na av. Coronel Teixeira, Ponta Negra e, obedecendo a todos os protocolos de segurança da saúde dos presentes, será reservada apenas a convidados. O evento inicia com a inauguração do retrato do comandante substituído, na ‘Galeria dos Eternos Comandantes’ e logo após ocorre a cerimônia de formatura com a passagem de comando do CMA.

O general Estevam Theophilo recebeu o comando do CMA do general César Augusto Nardi de Souza há menos de dois anos, em 27 de janeiro do ano passado. Ele é irmão do general Guilherme Theophilo, que também já esteve à frente do CMA.

Estevam Theophilo foi promovido a general de Exército no dia 25 de novembro de 2019, trinta anos depois de ter se incorporado às fileiras do Exército em 5 de março de 1979, na Academia Militar das Agulhas Negras, em Resende/RJ. Foi declarado Aspirante a Oficial, em 1982.

Já atuou como Observador Militar das Nações Unidas, na Iugoslávia; e Instrutor e Chefe da Área Tática do Centro Argentino de Treinamento Conjunto para Operações de Paz. No Brasil, entre outras funções, já foi Comandante da 1ª Companhia de Forças Especiais do 1º Batalhão de Forças Especiais; Comandante e Diretor de Ensino do Colégio Militar de Fortaleza; Comandante da 23ª Brigada de Infantaria de Selva, em Marabá/ PA; e Comandante da 10ª Região Militar, em Fortaleza.

Entre as principais medalhas recebidas destacam-se a Medalha Militar de Ouro com Passador de Platina; Medalha do Pacificador; Medalha da Ordem do Rio Branco; Medalha Mérito Santos Dumont; Medalha Marechal Osório; Medalha da Ordem do Mérito Aeronáutico; Medalha da Ordem do Mérito Naval; Medalha Tributo à Força Expedicionária Brasileira; e Medalha Exército Brasileiro.

Estevam Theophilo é filho de Manoel Theophilo Gaspar de Oliveira Neto e Maria de Lourdes Cals Theophilo Gaspar de Oliveira, e nasceu em 25 de abril de 1961, em Fortaleza.

Em sessão especial realizada na Assembleia Legislativa do Estado do Amazonas, no dia 29 de abril deste ano, o general Estevam Theophilo foi enfático ao destacar a importância do Exército Brasileiro para a Nação Brasileira em ações estratégicas, como o da proteção da Amazônia. “Participamos junto com a Marinha e a Aeronáutica do esforço contra a narrativa do desmatamento e das queimadas na Amazônia através da Operação Verde Brasil. Temos feito um trabalho enorme dando apoio aos órgãos de controle ambiental”, afirmou.   

O general Estevam Theophilo também destacou o trabalho das Forças Armadas no combate à pandemia de Covid-19 no Amazonas. “Na parte aguda da pandemia vimos os aviões da FAB numa ponte aérea direta para trazer oxigênio e dando todo o apoio logístico para as ações até o interior do Estado”, afirmou. O Exército Brasileiro também atuou fortemente no avanço da vacinação, principalmente em Manaus, dando todo apoio ao processo que fluiu dentro de uma organização destacável. 

Nomeado em julho

A nomeação do general Achilles Furlan como novo comandante do CMA aconteceu no final de julho quando o presidente Jair Bolsonaro a publicou no Diário Oficial da União. No mesmo ato, o presidente nomeou Estevam Theophilo para exercer o cargo de Comandante Logístico, em Brasília.

Natural de Itapira/SP, o general Achilles Furlan exercia o cargo de Comandante da 6ª Divisão de Exército, em Porto Alegre, desde fevereiro do ano passado, quando esta divisão foi reativada.

A divisão, conhecida como ‘Voluntários da Pátria’, havia sido desativada em 2014 e teve sua reativação determinada por decreto presidencial, em agosto do ano passado. A unidade, que já esteve sob o comando do vice-presidente da República, Hamilton Mourão, entre abril de 2010 e fevereiro de 2012, está sediada na capital gaúcha.

Achilles Furlan foi incorporado às fileiras do Exército um ano antes de Estevam Theophilo, em 1978, igualmente na Academia Militar das Agulhas Negras. Foi declarado Aspirante a Oficial da Arma da Infantaria, em 15 de dezembro de 1984.

Como Oficial-General, desempenhou as funções de Comandante da Aviação do Exército, Comandante da Escola de Aperfeiçoamento de Oficiais e Chefe da 3ª Subchefia do Estado-Maior do Exército.

JK criou o CMA

Criado pelo presidente Juscelino Kubitschek (1956/1961), a partir do Decreto n° 40.179, de 27 de outubro de 1956, o CMA inicialmente ficou sediado em Belém, até 1969, quando foi transferido para Manaus.

O CMA é responsável pela atuação da força terrestre nos estados que compõem a Amazônia Ocidental: Amazonas, Acre, Rondônia e Roraima. É um comando militar de área estratégico na região com a maior faixa de fronteiras do Brasil sob sua jurisdição, com mais de nove mil quilômetros, fazendo limite com cinco países amigos.

Foto/Destaque: Divulgação

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email