Soma de tributos pagos pelo contribuinte atinge R$ 400 bilhões nesta sexta

Nesta sexta-feira, 15, o Impostômetro atinge a marca dos R$ 400 bilhões em valor arrecadado, informa o IBPT (Instituto Brasileiro de Planejamento Tributário). Neste ano, o somatório das receitas arrecadadas pelos governos federal, estaduais e municipais atinge esse nível com dez dias antecedência em relação a 2010, ano de recorde para o Sistema de Acompanhamento das Receitas Tributárias. Em 2009 o Impostômetro atingiu este valor no dia 19 de maio e em 2008 no dia 20 de maio.
Este mês também é especial, informa o IBPT, pois em 20 de abril de 2005 o Impostômetro foi inaugurado pelo instituto e pela ACSP (Associação Comercial de São Paulo) para calcular em tempo real o valor arrecadado pelos governos federal, estaduais e municipais.

Taxação elevada

Para o presidente do Instituto Brasileiro de Planejamento Tributário, João Eloi Olenike, o sistema tornou-se uma importante ferramenta de referência para os brasileiros, no sentido de informar o quanto é pago de tributos diariamente. “Além disso, cada cidadão passou a ter mais consciência da alta taxa de tributos pagos”, destacou.
A ferramenta eletrônica tem como base para o levantamento de dados federais, as arrecadações da Receita Federal do Brasil e da Secretaria do Tesouro Nacional, informações da Caixa Econômica Federal, do Tribunal de Contas da União e do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística).
Para as receitas dos Estados e do Distrito Federal, o Impostômetro utiliza-se dos dados do Confaz (Conselho Nacional de Política Fazendário), das secretarias estaduais de Fazenda, dos Tribunais de Contas dos Estados e da Secretaria do Tesouro Nacional do Ministério da Fazenda. Já a arrecadação de tributos municipais é informada pela Secretaria do Tesouro Nacional, por meio dos municípios que divulgam seus números devido à Lei de Responsabilidade Fiscal e pelos Tribunais de Contas dos Estados.

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email