Pauderney diz que governo do Estado deve terminar obras

A saída de Alfredo Nascimento do Ministério dos Transportes, nos últimos dias, continua sendo um dos assuntos principais no Amazonas, não apenas porque o Estado perdeu representatividade no Planalto, mas também pelo temor que a população tem da não continuidade de obras imprescindíveis para o Estado, como a dos portos e hidrovias e a recuperação da BR-319.
No ponto de vista do deputado federal Pauderney Avelino (DEM), a partir de agora, com a saída de Alfredo Nascimento (PR), as obras deixadas devem ser continuadas pelo governo do Estado do Amazonas, principalmente as estradas federais que não lograram êxito nesses sete anos de gestão do ex-ministro. “Apesar de Alfredo ser amazonense, o Estado não pode continuar eternamente isolado do resto do Brasil pela via terrestre. Eu realmente espero que as obras tenham prosseguimento. É inadmissível que o Amazonas não tenha essas obras terminadas. Isso seria uma grande falta de respeito com povo amazonense que só quer o melhor para sua cidade”, comentou o deputado.

Portos do Amazonas

Em entrevista ao Jornal do Commercio, Avelino afirmou que em relação aos portos, o Amazonas não deverá ficar no prejuízo.
“Quanto aos portos, temos o porto público que já se encontra em via de licitação, o porto do Siderama também. O Amazonas, hoje, tem uma necessidade muito grande de ter um porto público para começarmos a resolver os problemas de logística graves que temos. Infelizmente, passados 44 anos da Zona Franca de Manaus ter sido instalada, ainda nos debatemos com problemas básicos como, estradas, portos e comunicação. O que estiver ao meu alcance, para que essas obras sejam terminadas, será feito, em beneficio de todos nós”.

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email