Para Aécio, acusação gera

O senador Aécio Neves (PSDB-MG) afirmou ontem que a acusação de que o ex-presidente Lula teria tentado influenciar o julgamento do mensalão causa “constrangimento”, especialmente para os aliados do petista.
“Eu tenho certeza absoluta que o STF vai julgar o caso do mensalão e outras demandas que lá cheguem com isenção, com valores, de forma técnica, como deve ser. Mas é um fato que gera constrangimentos, especialmente para os aliados do presidente”, afirmou Aécio.
De acordo com reportagem da revista “Veja”, em encontro ocorrido no escritório do ex-ministro Nelson Jobim, Lula teria pedido ao ministro do STF Gilmar Mendes que atrasasse o julgamento do mensalão. Em troca, o ex-presidente teria prometido “blindar” o ministro na CPI que investiga Carlinhos Cachoeira.
O senador falou sobre o caso durante encontro dos pré-candidatos do PSDB a prefeito no país.
Aécio afirmou que o STF é uma instituição sólida, que “não parece abalada pela crise”. Ele disse que é “grave” a acusação contra o ex-presidente.
Ontem, declarações de Mendes elevaram o tom de seu confronto com Lula. O ministro afirmou que Lula fomentou intrigas contra ele para constranger o tribunal e tentar “melar” o julgamento previsto para ocorrer neste ano.
Lula divulgou nota dizendo estar “indignado” com as denúncias e as declarações do ministro. O ex-presidente, assim como Jobim, nega a versão de Mendes para o encontro.
Saiba quem são os principais réus no processo do Mensalão, no infográfico ao lado.

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email

Siga-nos

Notícias Recentes

JC Play

Podcast

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email