Pães caseiros ganham espaço em isolamento

Um dos alimentos mais antigos da humanidade (acredita-se que começou a ser feito de forma bastante rústica há 12 mil anos, na Mesopotâmia, junto com o cultivo do trigo), o pão sempre foi um dos melhores companheiros alimentares do ser humano em todos os tempos, em todas as horas. Por isso, nessa quarentena, o Jornal do Commercio entrevistou uma exímia padeira para que ela ensinasse a fazer pães básicos preparados até pelo mais amador dos ‘cozinheiros’. Depois é só saboreá-los, no café da manhã, ou no lanche da tarde, quentinhos, saídos do forno.

Ana Francisca Nóbrega prepara pães semanalmente apenas para a família, e sempre inova nos sabores, chegando a produzir vários deles numa mesma fornada.

“Os que eu vou ensinar são bem simples de fazer. Qualquer pessoa pode colocar a mão na massa: são o pão de leite e o pão de forma, preparados em casa mesmo, no forno do fogão”, disse.

Para o pão de leite os ingredientes são: trigo sem fermento, uma caixa de leite líquido, leite em pó, manteiga, um ovo, sal, açúcar, fermento para pão e essência de baunilha.

Coloque 500ml do leite líquido, morno, numa vasilha e acrescente duas colheres de sopa de leite em pó, duas colheres de manteiga, um ovo, uma colher rasa de sal, duas a três colheres (a gosto) de açúcar, um sachê e meio do fermento, uma colher de essência de baunilha.

“Depois misture todos esses ingredientes enquanto vai acrescentando o trigo, um quilo. Quando tudo tiver virado uma massa homogênea, coloque numa mesa e passe a sovar a massa, acrescida de uma colher de manteiga. Essa massa não pode ficar nem dura e nem mole. Quando ela começar a colar nos seus dedos, unte as mãos e a mesa com óleo, e continue a sovar, uns 15 a 20 minutos”, ensinou.

Após esse tempo coloque a massa noutra vasilha e a deixe descansar no forno apenas aquecido. Ela vai dobrar de tamanho. Então comece a modelar os pães no formato que desejar. Deixe-os novamente descansar. Eles vão voltar a dobrar de tamanho.

“Pincele-os com a gema do ovo e pode levar ao forno aquecido. Quando eles estiverem vermelhinhos, já estão no ponto. Pode tirar e deixar esfriar para comer”, concluiu.

Ainda mais fácil

O pão de forma é mais simples ainda de ser feito. Coloque os ingredientes no liquidificador: 250ml de água morna, 150ml de óleo, um ovo, ½ colher de sal, 1 ½ colher de açúcar, meio pacote de fermento para pão. Bata tudo.

“Depois coloque essa mistura numa vasilha e vá mexendo com uma colher enquanto acrescenta 300gr de trigo peneirado. Misture até ficar uma massa homogênea. A massa estará no ponto quando ao levantá-la um pouco com a colher, a consistência será a de um creme”, ensinou Ana.

Em seguida pegue a forma, se tiver uma no formato do pão de forma, o resultado será ainda melhor, e unte com óleo. Coloque a massa nessa forma deixando sempre o espaço de cerca de um centímetro antes do limite da forma, porque essa massa vai crescer e poderá transbordar se não estiver na medida.

“Colocada a massa na forma, cubra-a com um pano para abafar e deixe descansando por cerca de 15 minutos. Após esse tempo, pode levar para o forno pré aquecido e, da mesma maneira que o pão de leite, quando estiver ficando vermelhinho, já estará no ponto. Pode tirar, deixar esfriar por alguns minutos e então saborear um pão até melhor que o da padaria”, garantiu.   

Dicas para conservar os pães

1 – Manter em ambientes frescos

Verdade: é importante sempre manter o pão em um ambiente seco, fresco e arejado, pois assim ele estará protegido da umidade e do calor excessivo.

2 – Guardar no micro-ondas

Mito: o pão não deve ser armazenado no forno e nem dentro ou sobre os aparelhos de micro-ondas, pois o calor prejudica a conservação e a qualidade do produto.

3 – Armazenar no freezer

Verdade: não tem problema guardar o pão no freezer por até 30 dias. Uma boa dica é dividi-lo em porções para congelá-lo separadamente, assim evita que o pacote seja retirado e recolocado no freezer muitas vezes. Só fique atento, pois uma vez descongelado, o produto não pode ser refrigerado novamente. Para consumi-lo, basta aquecer na torradeira, frigideira ou forno.

4 – Deixar em ambientes quentes

Mito: é preciso evitar o armazenamento do pão em lugares que tenham o contato direto com o sol ou até mesmo com lâmpadas, pois o calor faz com que o produto fique ressecado ou crie bolor.

5 – Preservar o fitilho de arame na embalagem

Verdade: quando comprar pão na padaria, após o uso, é essencial sempre fechar a embalagem com o fecho de arame, assim como manter a primeira e a última fatia da embalagem, pois elas ajudam na preservação do pão.

6 – Guardar o pão na geladeira

Verdade: o produto pode ser guardado na geladeira para garantir a conservação por mais tempo. Porém, é preciso mantê-lo na parte menos úmida e longe de gotas d’água.

Além de todas as dicas caseiras, nunca deixe de olhar o prazo de validade dos pães.

Fonte: Evaldo Ferreira

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email