Codesav se mobiliza para combater raiva dos herbívoros

A Codesav (Comissão Exe­cutiva Permanente de Defesa Animal e Vegetal) inicia em outubro a campanha estadual de controle da raiva dos herbívoros. A ação faz parte de Programa Nacional desenvolvido pelo Mapa (Ministério da Agricultura, Pecuária e Abas­tecimento)no país.
Cinco equipes contendo 20 pessoas (médicos veterinários e técnicos agrícolas), no total, farão a captura de morcegos, um dos principais transmissores da raiva entre bois, cavalos, bodes, porcos e aves.
Os grupos estarão ­divididos em pólos, de forma que ­atinjam todo o Estado. As equi­pes terão apoio de téc­nicos do Idam (Instituto de Desenvolvimento Agro­pe­cu­ário e Florestal do Amazonas).
Cada grupo terá direito a kits de captura, que contêm 75 itens. Um kit custa cerca de R$ 3.000, que são financiados pelo próprio Mapa.
De acordo com informa­ções do médico veterinário Christian Bar­nadd, o Ama­zo­nas é o único Estado da região Norte que abri­ga as três espécies de ­morcego hematófagos (que se ali­men­tam de sangue) exis­tentes. Os animais costumam atacar outros que comem folhas.
“O melhor remédio para raiva é a prevenção. Depois que ela se instala não há o que fazer”, explicou. Barnadd dis­se que o objetivo do Estado é evitar que carne contaminada seja comercializada.

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email