Artur Neto faz avaliação positiva da atuação de Massami Miki junto ao PIM

Convidado especial do 1º Congresso Estadual do PSL, realizado sexta-feira na CMM(Câmara Municipal de Manaus), o líder do PSDB no Senado, Artur Virgílio Neto, destacou, em seu discurso, o poder de articulação do vereador Massami Miki, presidente estadual do PSL, junto ao PIM (Pólo Industrial de Manaus). O tucano afirmou que Massami encontrou um nicho de atuação política ideal, sobretudo no pólo de duas rodas, ao representar os interesses dos empresários e dos trabalhadores locais. ‘Ao atuar em conexão com o Distrito Industrial, Massami demonstra maturidade política, pois contribui para a preservação do emprego à população local, uma vez que o PIM é a base da economia do Estado’, comentou.
O senador disse considerar o PSL uma sigla moderna por combinar nas propostas políticas de desenvolvimento econômico e igualdade social.
Na ocasião, o vice-presidente do PSL nacional, Gilvan Pontaleão, fez uma leitura crítica do cenário político nacional, além de comentar sobre o crescimento do PSL em grandes centros, como Minas Gerais, São Paulo e Amazonas. “O PSL é um partido moderno, que cresce no país por conciliar questões idealistas e sociais com desenvolvimento econômico’, destacou.
Massami Miki afirmou que o objetivo do PSL nas eleições municipais de 2008 é eleger de dois a três vereadores. ‘Temos condições eleitorais para isso, até porque vamos para o pleito com chapa completa em nível proporcional’, observou. O parlamentar disse, ainda, que o comando local está se organizando para reestruturar a sigla na capital e no interior do Estado, instituindo diretórios por zonas em Manaus, além de nomear novos dirigentes para os diretórios no maior número de municípios. ‘Nossa intenção é reconduzir o partido a estar entre os mais influentes na capital, além de levá-lo a todos os municípios do interior’, projetou o vereador.
Outra aposta de Massami para as eleições municipais é a militância. “O PSL terá uma nova cara, com maior poder de articulação dos filiados e maior participação popular”, afirmou.

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email