Plural diferentão

Compartilhe:​

Geralmente se compõe o plural em língua portuguesa com a desinência “-s” no fim da palavra e, em casos particulares como o do substantivo “qualquer”, o plural é “quaisquer”. Seria esse o “plural diferentão”? Hoje aprenderemos algo que foge à regra geral. Seja muito bem-vindo, plural metafônico!

DEFINIÇÃO

O plural metafônico surge quando uma palavra, ao ser pluralizada, muda o som da vogal “o” presente na sílaba tônica. Na verdade, o som da vogal “o”, no singular, apresenta timbre fechado, mas, quando a palavra vai para o plural, apresenta timbre aberto.

AVÔ X AVÓS

O plural de “avô” é um plural metafônico e faz muita gente errar principalmente no “Dia dos Avós” (avós=>correto), quando várias postagens, figurinhas, cartões trazem o timbre fechado também para o plural (avôs=>errado). Sendo assim, o plural de “avô” é, sem sombra de dúvida, “avós”.

TEIMOSO X TEIMOSOS

Teimosias à parte, o plural do vocábulo “teimoso” é também um plural metafônico, isto é, traz um timbre fechado do “o”, quando está no singular, e um timbre aberto ao ser pluralizado. Diferentão ou não, esse plural é capcioso e vale ser melhor estudado. Fica a dica.

Joyce Tino

Joyce Tino

Qual sua opinião? Deixe seu comentário