Wittmann incorpora linha de dosadores para indústria plástica à unidade canadense

Como parte da estratégia de expansão mundial da Wittmann, a empresa anunciou a aquisição da Linha M-Tek de Dosadores e Manipulação de Materiais, que antes pertencia à Mould-Tek –desenvolvedora de equipamentos auxiliares para o setor de plástico -, e agora foi incorporada à filial canadense da empresa. Além deste investimento, cujo valor não foi divulgado, a matriz decidiu pela mudança do nome da unidade, que agora passa a se chamar Wittmann Canadá -ao invés de Nucon Wittmann, criada quando da aquisição da Nucon Systems, em 1999, e que permaneceu com o objetivo de manter a presença e o reconhecimento que este nome proporcionava no mercado há mais de 20 anos.
Segundo o presidente da empresa, Michael Wittmann, a incorporação da Linha M-Tek e a mudança de nome da subsidiária canadense objetivam estreitar ainda mais a relação da empresa com os transformadores de plástico e ambos surgem como resultado da expansão continuada da Wittmann no Canadá e no mundo.
“Pretendemos reforçar a presença nos países onde atuamos e ampliar nossa oferta de produtos, serviços, suporte técnico e garantias visando beneficiar os processadores com soluções inovadoras. Com isto, esperamos proporcionar uma melhor identificação da marca e ampliar, entre clientes e parceiros, o reconhecimento de nossas capacidades globais. Essas ações são fundamentais para que possamos atingir a meta de faturamento para este ano, que está em torno de 140 milhões de euros”, explicou.

Sistema próprio

Desde o mês de junho, a Wittmann Canadá mantém em seu leque de soluções e serviços, o desenvolvimento de dosadores e equipamentos de manipulação de materiais.
“Há muitos anos, nós somos considerados uma referência significante no mercado de sistemas dosadores, mas nunca tivemos uma linha própria. Com a aquisição da M-Tek, a Wittmann desenvolverá seu próprio know-how neste tipo de produto e poderemos fornecer aos clientes do mundo todo uma solução completa. Inclusive para os transformadores com sede no Brasil”, adiantou o presidente da Wittmann.

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email

Siga-nos

Notícias Recentes

JC Play

Podcast

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email