Sushi House inaugura quinta-feira

xxxxx

Não use o hashi (aqueles pauzinhos utilizados para se comer comida japonesa) para empurrar louça, apontar, espetar (isso só acontece em cerimônias para pessoas que já morreram), mexer ou cortar a comida. Já os objetos da mesa devem ser segurados com as duas mãos. É sinal de respeito. Essas são apenas algumas, entre várias outras regras, seguidas pelos japoneses na hora de comer.
Assim será na Sushi House, a mais nova casa de comida oriental que abrirá seu portal sagrado na quinta-feira, 5, às 19 horas, no Conjunto Cophasa, ideal para aqueles que quiserem se aprofundar na culinária japonesa, porém, feita por chefs manauaras. Mas não se assuste com as rígidas regras orientais na hora de comer. Na Sushi House elas apenas farão parte da ambientação do espaço. Se você não souber comer com os pauzinhos, por exemplo, não será vergonha nenhuma pedir garfo e faca para saborear os sushis, o sunomono e os niguiris.
A Sushi House surgiu da união de cinco amigos, Anderson, o sushiman da turma; Rafael, chef que já trabalhara com Anderson; Raul, Gil e Débora. Cada um contribuiu com o que sabia fazer e resolveram abrir a casa de sushis, seguindo as ideias de Anderson, que é especialista em comidas orientais, principalmente japonesas.
Manaus, atualmente, está repleta de temakerias, prova de que o manauara está aberto a desfrutar do prazer de saborear a culinária de outras culturas, então, como fazer para se diferenciar das demais? Os amigos da Sushi House resolveram se aprofundar em alguns dos costumes japoneses (não tanto assim) e utilizá-los em seu estabelecimento. Pra começar o cliente terá de deixar seus sapatos logo na entrada (mas receberá uma senha afim de evitar que no lugar de seu tênis importado encontre um tênis surrado). Depois se sentará em confortáveis almofadas junto à mesas que não medem mais do que 20 centímetros de altura, como manda o figurino japonês. Em seguida, garçons com quimono atenderão aos seus pedidos.

A maioria gosta
Na decoração, leques, quadros com grafismos, os tradicionais balões, música ambiente e uma modernidade: dois televisores exibindo filmes japoneses, de Akira Kurosawa a Nagisa Oshima. “O objetivo é fazer com que o cliente viaje ao Japão, sem sair daqui”, explicou Anderson.
Da cozinha sairá um cardápio pra agradar a gregos, troianos, e manauaras. Serão duas entradas. Na primeira, missoshiru (sopa), sunomono (salada) e gioza; ou niguiris com kani, skin ou salmão.
No jantar, sushi Filadélfia, futomaki, salmão grelhado com morango, peixe branco e camarão; uramaki com camarão, skin, Califórnia e kani; hossomaki, kappamaki e morango maki, apenas para citar alguns dos itens. Pra acompanhar, suco verde e de abacaxi.
A Sushi House terá espaço para 42 pessoas sentadas e, em princípio, só atenderá a clientes com reserva prévia. “Estamos fazendo a divulgação nas redes sociais e as pessoas já estão fazendo suas reservas para a noite de inauguração, na quinta-feira”, adiantou Anderson.
Para a abertura do espaço, o cliente pagará R$ 60, e terá direito às entradas e aos sushis, mais água ou refrigerante. “Mas para adiante iremos preparar outros itens com valores à parte, para que o cliente possa ter mais opções de pratos”, explicou. “Também nunca serão repetidos os pratos. Cada vez que o cliente vier aqui, com certeza ele vai encontrar sushis diferentes”, garantiu.
Uma pesquisa da NHK feita em 2007, mostrou que 73% dos japoneses gostam de sushi. Em segundo lugar, veio o sashimi, ou peixe cru, enquanto peixe grelhado ficou em quinto lugar. Então, ainda dá tempo de fazer reservas para a inauguração da Sushi House e saborear a mais apreciada comida oriental com tempero caboclo.

Serviço
O quê? Inauguração da Sushi House
Onde? Conjunto Cophasa – Ponta Negra – rua Riachuelo, 11
Quando? Dia 5, quinta-feira, a partir das 19 horas
Valor: R$ 60,
Informações: (92) 9 8125-1845 e 9 9988-0787

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email