Sepror propõe gerência de crédito rural para atender setor primário

A Secretaria de Estado da Produção Rural (Sepror) participou na ultima quinta (09/07) do Encontro Virtual do Ramo de Crédito Cooperativo, promovido pelo Sistema Organização das Cooperativas do Estado do Amazonas (OCB/AM). O evento teve como objetivo alinhar demandas de crédito e propor negócios de Intercooperação do Ramo Crédito aos demais campos de atuação cooperativistas locais.

O encontro foi presidido por José Merched Chaar, presidente da OCB/AM, e teve a participação de Thiago Borba, da OCB Nacional; além de presidentes, conselheiros, gestores das Cooperativas de Crédito e do secretário da Sepror, Petrucio Magalhães Júnior

“O Governo do Amazonas acredita muito nas cooperativas de crédito e parabeniza a decisão de interiorizar as agências no Amazonas. Estamos vendo agências do Sicoob (Sistema de Cooperativas de Crédito do Brasil) nos municípios e em breve, teremos o Sicredi (Sistema de Crédito Cooperativo) e a Cresol (Cooperativa de Crédito Rural com Interação Solidária) também. O desafio agora é criarmos gerências de crédito rural para atender o setor primário, precisamos de um produto específico para fomentar os produtores rurais do Amazonas. Os números do Agro no estado demonstram o crescimento no PIB (Produto Interno Bruto) e a profissionalização das cadeias produtivas justifica um produto/serviço das cooperativas de crédito para atender esse público”, disse Petrucio.

Por sua vez, José Merched Chaar chamou a atenção para a necessidade de que sejam obedecidas as regras do sistema financeiro. “O cooperativismo é inegavelmente um negócio e por isso mesmo, deve ter responsabilidade nas operações financeiras para poder ter sucesso”, disse o presidente da OCB/AM, cuja perspectiva é de melhoria do cooperativismo através do crédito com procedimentos diferenciados de acordo com a necessidade de cada ramo.

O encontro virtual teve a duração de 90 minutos e resultou na definição de uma rodada de negócios cooperativos a ser realizada no próximo dia 27. A ação foi anunciada pela superintendente do Sistema OCB/AM, Cláudia Sampaio Inácio.

“A ideia deste encontro foi propor negócios de intercooperação e assim, fazer com que haja o desenvolvimento do cooperativismo em nosso estado através da injeção de recursos via crédito cooperativo, com a liberação de capital de giro e de custeio e ainda, investimento para os ramos agropecuário, transporte, consumo e outros. A ideia da OCB é justamente começar esta sensibilização de que o campo e o cooperativismo desenvolvam os demais ramos”, acrescentou Cláudia Inácio.

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email