Produtora do AM ganha destaque em festival de games

Produtora amazonense Petit Fabrik foi a representante do estado no BIG Festival 2021, o maior festival de games, criação, negócios e network da América Latina. Destaque com um dos jogos mais aguardados do evento, o jogo Kukoos – Lost Pets, tem a previsão de ser lançado no segundo semestre deste ano. Segundo especialistas do segmento, o Amazonas tem se destacado como um berço de grande potencial intelectual na indústria de games em todo território nacional.

Produzido com o apoio do PPED (Programa Prioritário de Economia Digital), do INDT (Instituto de Desenvolvimento Tecnológico) e FPF Tech (Fundação Paulo Feitoza), o Kukoos – Lost Pets deverá ser lançado para os principais consoles como Nintendo Switch, Playstation 4 e 5; Xbox Series X e One, além da versão Steam para PC. 

produtora
Jogo produzido no Amazonas representa o estado no maior festival de games da América Latina
Foto: Divulgação

A aventura do jogo se passa no universo dos personagens Kukoos, simpáticas criaturinhas que vivem em um mundo onde tudo é oceano e só existe uma ilha com uma única árvore. No entanto, essa árvore possui portas que levam para outros mundos fantásticos completamente diferentes. Para o CEO da Petit Fabrik, Olímpio Neto, o jogo deve agradar não apenas ao público mais jovem, mas a gamers de todas as idades

“Os pets são os animais de estimação dos Kukoos que acabam sendo usados por um vilão em um plano maligno e o player precisa encontrar os pets perdidos para ajudá-lo a restabelecer a paz na árvore e nos mundos que fazem parte dela. É um jogo de plataforma 3D estilo Super Mario e Crash Bandicoot com várias possibilidades de exploração do universo, do personagem e da história”, explicou Olímpio.

Segundo Neto, o Amazonas possui um potencial muito grande para desenvolver mão de obra intelectual no setor, e destacou que existe uma indústria de games crescendo de forma promissora. “O Amazonas deveria investir muito nessa indústria, temos uma vocação para ter produtos digitais e uma indústria digital de economia criativa, como a de jogos, que seriam um encaixe perfeito para as necessidades do  Amazonas, porque é uma indústria limpa e uma matriz econômica com um potencial gigantesco”, disse.

Potencial

Dentro de um contexto de grande potencial econômico e criativo no estado, o CEO explica que o Amazonas ainda enfrenta muitas dificuldades para dar uma arrancada em seu processo produtivo, uma delas é a falta de investimento no setor, ausência de oportunidades para produtores locais e a falta de cursos  de capacitação na área.

“Ainda existem muitas poucas faculdades que oferecem curso na área. Existe falta de investimento na indústria e oportunidades para as produtoras estarem fazendo seus jogos. Se existir esse investimento, os desenvolvedores amazonenses terão a oportunidade de conhecer o mercado lá fora. A verdade é que no Amazonas não existe uma política organizada para desenvolver a indústria de jogos”, disse.

BIG Festival de Games

Esta foi a 9ª edição do BIG Festival de Games, que ocorreu entre os dias 3 e 9 de maio, em formato virtual, devido à pandemia de Covid-19, mas apesar disso as expectativas estão altas. “Estamos super animados para o evento. Fomos selecionados para o maior Festival da América Latina e estaremos em destaque, recebendo a atenção da imprensa nacional e internacional. Vamos ter um trailer de divulgação e uma palestra sobre o jogo e, por isso, estamos nos sentindo muito honrados de podermos participar e representar a indústria de games do Brasil e do Amazonas”, contou o Ceo.

Foto/Destaque: Divulgação

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email