Manaus respirando cultura em seu aniversário

Na semana do aniversário de Manaus, a cidade vem recebendo diversas atividades para quem quer comemorar os seus 348 anos. Uma delas foi o espetáculo teatral ‘Rival Rebolado’ realizado pela Prefeitura de Manaus, por meio da ManausCult (Fundação Municipal de Cultura, Turismo e Eventos), que traz em seu elenco a atriz Leandra Leal. A apresentação aconteceu segunda-feira (24), no Les Artistes Café Teatro, no Centro Histórico de Manaus. Outra atividade, iniciada foi a exposição “Monumentalidade”, no Paço da Liberdade, em homenagem ao artista plástico manauara, Moacir Andrade, falecido em julho do ano passado aos 89 anos. Lá estão apresentadas diversas obras do autor que teve mais de 10 mil telas pintadas e divulgadas em mais de 70 mil países. “Moacir Andrade foi um dos artistas mais expressivos da Amazônia e com trabalhos reconhecidos internacionalmente. Com uma carreira consolidada, o artista teve mais de 10 mil telas pintadas em mais de 70 países. Doou, ainda em vida, várias de suas obras à Prefeitura de Manaus. Este é um reconhecimento por sua grandeza que retratou como ninguém a grandiosidade da Amazônia. Seu traços são únicos e a valorização que ele imprimiu à nossa identidade amazônica é imensurável. A exposição fez tanto sucesso que vem em cartaz desde o Passo a Paço”, afirmou o diretor-presidente da ManausCult, Bernardo Monteiro de Paula.

Além dessa exposição, a ManausCult reuniu diversas fotos e vídeos com depoimentos de moradores do Centro Histórico, e segundo Bernardo Monteiro, o objetivo é contar as transformações pelas quais o Centro passou nos últimos anos após a inauguração do Paço da Líberdade. “A exposição nasceu do vídeo documentário homônimo, ‘Memórias do Centro Histórico’, feito por ocasião da 11ª Primavera de Museus. A ideia surgiu como uma forma de contar as transformações pelas quais o Centro passou nos últimos anos, principalmente após a inauguração do Paço da Liberdade, a partir das experiências, das memórias dessas pessoas, cuja história se mistura à do Centro Histórico. Então, em setembro, exibimos no Café Teatro o vídeo com eles na plateia. Foi muito emocionante e vários deles choraram. É um reconhecimento de que eles são a nossa história. A equipe de Comunicação da ManausCult e da Semcom, responsáveis pelo documentário, fez o registro em fotografias também e aí surgiu a ideia de fazer essa exposição, levá-los ao Paço, numa relação de pertencimento entre ambas as partes”, disse ele.

Boi Manaus
Há 20 anos comemorando o aniversário de Manaus, o Boi Manaus, na Praia da Ponta Negra (zona Oeste), teve início na segunda-feira ( 23). As noites terão shows de Mara Lima, Márcia Siqueira, Ricardo Lyra, Renato Freitas, Edilson Santana, Carrapicho, Isreal Paulain, Júnior Paulain, David Assayag e a Marujada do Boi Caprichoso, Klinger Araújo, Tony Medeiros, Canto da Mata e Leonardo Castelo, encerrando o Boi Manaus 2017 com a Batucada do Boi Garantido.

“O aniversário de 348 anos de Manaus traz celebrações diversificadas, que representam essa multiplicidade, essa pluralidade que hoje é a identidade cultural de Manaus. Tivemos uma mega estrutura montada na Ponta Negra para receber dois dias de Boi Manaus que este ano comemorou 20 anos, em uma programação que já vem do sucesso de nove dias do Shopping do Tururi, na avenida do Samba. Eu tenho certeza que as pessoas que forem prestigiar os artistas na Ponta Negra irão se deparar com uma festa muito segura e bonita. Tivemos três trios elétricos e mais de 30 atrações se apresentaram nesse lindo cartão-postal. Foi uma festa para o público manauara e para os turistas que estiverem visitando nossa cidade”, destacou o diretor-presidente da ManausCult.

Circuito de palestras concultura
Ainda em comemoração ao aniversário de Manaus, o Concultura (Conselho Municipal de Cultura) com o apoio da ManausCult, realizará na quarta-feira (25), o “Manaus Debate”. O evento terá a participação do presidente da Concultura, Márcio Souza, a historiadora e professora Etelvina Garcia e o músico e poeta Celdo Braga.

“Vou mostrar qual a relação das pessoas com Manaus por meio da paisagem. Qual a relação que as pessoas fazem de si com a paisagem de Manaus que a faz se sentir vinculado e pertencente à cidade? O objetivo é despertar o interesse das pessoas pela cidade com uma visão poética”, disse Celdo Braga.

Registros fotográficos
Uma exposição reunindo 20 imagens do fotógrafo manauara, Alex Pazuello, pela cidade e interior do Amazonas, pode ser vista a partir da quinta-feira (26), às 18h, no salão cultural do Palácio da Justiça (Centro). As fotos reproduzem imagens da natureza e retrata a vida e a cultura do caboclo na amazônia.
“Fotografar era como se eu fizesse pequenos recortes de uma cultura singular e carregada de muita história e de muita força qual fazia e faço parte. Convido a todos a refletirem e se perguntarem: ‘O que posso fazer para contribuir e preservar o Amazonas?'”, disse o fotógrafo.

A partir da inauguração, a exposição é gratuita e aberta ao público de terça a sexta-feira, das 9h às 14h, e aos domingos, das 9h às 13h, e se encerrará em março de 2018.

O QUE?
Circuito de palestras “Manaus Debate”

QUANDO?
Quarta-feira (25)

ONDE?
Academia Amazonense de Letras (Ramos Ferreira, 1003 – Centro)

QUANTO?
Entrada gratuita

O QUE?
Exposição “Amazone-se” de Alex Pazzuelo

QUANDO?
A partir da quinta-feira (26) até março de 2018

ONDE?
Centro Cultural Palácio da Justiça (Eduardo Ribeiro, 901 – Centro)

QUANTO?
Entrada gratuita

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email