Governo lança auxílio para famílias atingidas pela cheia no Estado

O governador do Amazonas, Wilson Lima, lançou, nesta quinta-feira (06/05), o Auxílio Estadual Enchente, benefício no valor de R$ 300 que será concedido para 100 mil famílias, em todo o estado, que tiverem suas moradias invadidas pela cheia dos rios. Desde fevereiro, o Governo do Estado está realizando a Operação Enchente, uma série de ações para minimizar o impacto da subida das águas dos rios.

Segundo Wilson Lima, o Auxílio Estadual Enchente será pago em parcela única por meio de um cartão magnético. “Esse cartão será entregue para aquelas famílias que estão sendo atingidas, neste momento, pela subida dos rios. O cartão será voltado para aqueles municípios que já decretaram Situação de Emergência. Nós vamos começar a entrega desses cartões amanhã (07/05). Estarei no município de Anamã, que está todo debaixo d’água”, disse o governador.

Segundo o governador, o auxílio vai contribuir para movimentar a economia no estado. “É uma injeção direta na economia em torno de R$ 30 milhões. Com isso, os investimentos do Governo do Estado nessa enchente já chegam a R$ 97 milhões”, disse Wilson Lima.

Para as demais ações da Operação Enchente, o investimento previsto é de R$ 67 milhões, perfazendo o montante de R$ 97 milhões. A operação inclui ajuda humanitária, água potável e ações nas áreas social, saúde e fomento, como  anistia de dívidas e operações de crédito, para os municípios em Situação de Emergência decretada em razão da cheia.

Com o auxílio, o Governo do Amazonas contribui para garantir a segurança alimentar das famílias que tiveram suas casas invadidas pelos rios. Os beneficiários vão poder adquirir gêneros alimentícios em estabelecimentos cadastrados, assim como ocorre com o Auxílio Estadual e como vai ocorrer com os auxílios estaduais do Turismo, Esporte e Cultura.

Cadastro 

O cadastro dos beneficiários será feito por meio do aplicativo Sasi, por meio de parceria entre os órgãos de Defesa Civil do estado e municípios. “Nós vamos contar com o apoio das prefeituras que estão fazendo o cadastramento dessas famílias e que estão lá in loco acompanhando esse sofrimento”, disse o governador.

As equipes irão até as casas atingidas pela enchente para fazer o registro dos dados das famílias no aplicativo. No momento do cadastro o beneficiário recebe, de imediato, o cartão do Auxílio Estadual Enchente.

O número desse cartão é inserido no cadastro do beneficiário e será  feito o registro fotográfico do beneficiário, sendo a imagem inserida no sistema. Quando todas as informações forem validadas, o beneficiário poderá usar o valor correspondente ao auxílio para comprar os alimentos nos estabelecimentos cadastrados. O prazo de validação pode durar até 48 horas após a entrega do cartão.

Os critérios para receber o benefício e outras informações estarão disponíveis em: auxilio.am.gov.br.

FOTO/DESTAQUE: Lucas Silva/Secom

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email