7 de dezembro de 2021

Gasolina sem alta no semestre, diz Lobão

Ministro afirma que governo não cogita elevar novamente os preços ao consumidor nas bombas

O ministro Edison Lobão (Minas e Energia) disse ontem que o governo não cogita novos reajustes para o combustível no próximo semestre.
Entre 2012 e janeiro deste ano, a Petrobras aumentou três vezes o preço do diesel (alta acumulada de 16,1%) e duas vezes a gasolina (alta de 14,9%). Os percentuais não corrigem, porém, a defasagem frente ao mercado externo e os reajustes foram contidos diante do receio do governo quanto à pressão inflacionária.
“Esse é um assunto (aumento dos combustíveis) sobre o qual nós não estamos cogitando”, disse Lobão após encontro com o presidente da Câmara, Henrique Eduardo Alves (PMDB-RN).
Lobão também defendeu a votação do novo Código de Mineração considerado como fundamental para o governo.
“Estamos trabalhando nele há quatro anos. Ele vai substituir uma lei que já está obsoleta com mais de 40 anos. Esse código é moderno, tem pretensão de sê-lo. Vai criar uma agência reguladora e terá novos parametros para administração do minério”, afirmou o ministro.
Segundo ele, o projeto deve ser enviado para votação no Congresso no próximo mês de março.
Entre os temas em discussão, está o aumento da alíquota dos royalties de exploração dos minérios, estipulando uma taxa de até 4%, a realização de leilões para outorga de áreas de mineração, além da criação de uma nova agência para regular o setor.
Petróleo
A diretora-geral da ANP (Agência Nacional do Petróleo), Magda Chambriard, afirmou na manhã de ontem que os lances mínimos para os blocos exploratórios de óleo e gás da 11ª rodada de licitação devem superar R$ 1 bilhão.
A informação foi dada durante a segunda audiência pública da 11ª rodada, no Rio.
“Nós fizemos a conta dos primeiros 172 blocos e a nossa previsão é que o bônus mínimo (lance) dessas áreas deve chegar a R$ 500 milhões”. No decorrer da entrevista, no entanto, Magda admitiu que o valor pode superar R$ 1 bilhão. “Deve superar R$ 1 bilhão sim”, afirmou.
A rodada, a ser realizada nos dias 14 e 15 de maio, irá ofertar campos “offshore” na chamada margem equatorial, que compreende a área que vai do litoral do Rio Grande do Norte até o Amapá. Serão ofertadas ainda bacias terrestres maduras.
O cálculo de Magda leva em conta 172 blocos que serão inicialmente ofertados pela ANP.

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Anúncio

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email

Siga-nos

Notícias Recentes

JC Play

Podcast

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email