7 de dezembro de 2021

Deputados destacam novo papel de Braga

Parlamentares repercutiram na ALE nomeação de Eduardo Braga como líder do governo Dilma no Senado

A ascensão do senador Eduardo Braga (PMDB-AM) à liderança do governo federal no Congresso Nacional repercutiu na sessão plenária de ontem, da Assembleia Legislativa. Para os deputados Belarmino Lins (PMDB) e Sinésio Campos (PT), a escolha de Braga “é um marco na história política do Estado e de toda a região Norte, apesar de o ex-líder ser um roraimense”.
Para Belão, o novo cargo de Braga ajudará o Amazonas, a partir de agora, a influenciar diretamente o centro de decisões do Palácio do Planalto, além de assegurar a todos os Estados da região Norte uma correlação de forças importantes para encaminharem projetos e reivindicações à presidente Dilma e seus ministérios.
“É inegável a competência e o valor de Eduardo Braga, que foi vereador, prefeito de Manaus, deputado estadual constituinte e deputado federal antes de eleger-se senador com a maior votação proporcional já registrada em nosso Estado”, disse, ressaltando a escolha de Dilma Rousseff como “uma grande conquista política para o Norte brasileiro”, observando que o senador está à altura de nomes regionais que sobressaíram na política nacional em décadas passadas como José Esteves, Almino Affonso e Fábio Lucena.
Apostando na qualidade e nos esforços do novo líder do Palácio do Planalto no Congresso, Belarmino salienta que Eduardo Braga, pelo amplo conhecimento que possui dos problemas e demandas do Estado do Amazonas, “saberá atuar com habilidade e inteligência junto à presidente Dilma para reestruturar e garantir a perenidade da Zona Franca de Manaus, a construção da ponte sobre o rio Solimões e a resolução dos problemas relacionados à mobilidade urbana em nossa capital, tendo em vista a realização da Copa do Mundo de 2014”.

Eleições

Para Sinésio Campos, líder do governador Omar Aziz na ALE-AM, a ascensão de Braga à liderança das articulações do Palácio do Planalto, não apenas será um fator decisivo para desengavetar, no Congresso, o projeto que prorroga a ZFM e expande os benefícios fiscais do PIM para toda a Região Metropolitana de Manaus.
Sinésio entende que a nova condição do senador amazonense vai além desse processo e confirma uma aliança política que era dúvida com relação às eleições municipais deste ano em Manaus e em nível estadual referente a 2014. “Não há mais dúvida de que essa aliança agora é mais do que forte para este ano e para as eleições de 2014”, garante, observando que a aposta em Braga também passa pela luta em favor do descontingenciamento de recursos da ordem de R$ 1 bilhão da ZFM pelo governo federal. Fazendo coro com Sinésio, os deputados Francisco Souza (PSC), Marcos Rotta (PMDB) e Vicente Lopes (PMDB) também destacaram o novo líder de Dilma Rousseff no Congresso.
Diferente dos parlamentares governistas, o deputado Marcelo Ramos, líder do PSB na ALE-AM, prefere a expectativa quanto ao novo papel de Braga em Brasília. “Francamente, espero que o senador Braga seja bastante capaz de resistir às investidas do governo federal contra a Zona Franca de Manaus”, expressou.

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Anúncio

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email

Siga-nos

Notícias Recentes

JC Play

Podcast

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email