Pesquisar
Close this search box.

SEGURANÇA

Carlos Silva

Infelizmente, assistimos, hoje, a proliferação de ideias estúpidas e criminosas, com segundas e terceiras intenções de puro domínio do povo de bem, que paga seus caríssimos impostos para manter a Nação e sustentar a maldita mordomia de uns e a desgraçada roubalheira de outros, desde sempre. Nossa sorte é que caixão não tem gaveta e mortalha não tem bolsos. Essa escória, que se aproveita do nosso imposto, logo estará apodrecendo em cemitérios por aí e sem ter tido tempo de gastar o roubo. Calma, que nada detém a marcha inexorável do tempo e eles não são imortais. Estes dias, escutei no elevador do prédio, duas senhoras comentando determinada matéria jornalística na qual um indivíduo publicou que estava abismado com a quantidade de armas em mãos de sócios de Clubes de Tiro no Brasil. Uma das senhoras, no elevador, é uma Juíza aposentada e, por acaso, frequenta o mesmo Clube de Tiro que eu. A outra senhora estava visitando-a e é uma Professora ainda ativa na docência. Ambas estavam criticando demais a estupidez da matéria e, segundo elas, tudo com a intenção de aumentar as ideias de desarmar a população de bem para, no futuro, sermos escravizados, como ocorre em alguns países por aí de determinadas ideologias. Mais tarde, busquei a reportagem e analisei outras do mesmo espectro. Concluí que alguns jornalistas não conhecem nada de História e, com certeza, não sabem fazer contas. Então, segundo indivíduos que raciocinam, primitivamente, desse jeito, o fato de termos milhões de armas de fogo nas mãos de pessoas em comunidades espalhadas em todo o País, sejam os traficantes de drogas, os milicianos ou os lobos-solitários, bem como o pessoal que faz segurança de elementos influentes, coroneis de engenho do interior, bicheiros e outros componentes sociais, não oferecem riscos à sociedade, mas, as pessoas de bem que se identificam, passam por diversos exames e testes, pagam caro pelas armas e pela mensalidade dos Clubes de Tiro, essas sim, são o problema e não os criminosos. Meu Deus! A que ponto desceu a nossa moral e honra! As mentiras deslavadas sempre foram muito usadas na história do mundo, mas, agora, extrapolaram os limites do bom senso, e para não dizer coisas ofensivas demais, vou me controlar para não gastar pólvora em chimango ou chutar cachorro morto. Desde a posição popular contra o Desarmamento, onde a voz do povo foi ignorada pela classe política, esses temas sempre voltam e alguns querem realmente desarmar a população de bem, mantendo armas não mãos de outros que vivem e sobrevivem à margem das leis. E ainda dizem que criminosos que dispõe de armas atualíssimas vão se dispor a invadir residências para roubar um 38. Pois é! Pense bem nisso e quando for dormir olhe em volta e veja a sua família e o seu patrimônio. Quanto e o que custou ter tudo isso? Vai deixar te tirarem de graça e sem luta? A decisão é tua e não das autoridades ou de quem quer que seja! Sorte que estamos no Brasil e aprendemos que dinheiro, chifre, arma de fogo e hemorroidas, quem tem não diz. 

Compartilhe:​

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Notícias Recentes

No data was found
Pesquisar