Permita conhecer o líder em você

Eu procuro viver a missão de despertar a liderança em todo ser humano. Uma vontade transformada em ações no dia a dia que mobilize pessoas comuns a descobrirem que são líderes extraordinários. Para tanto, estimular que não seja refém do seu eu inconsciente, permitam-se se autoconhecer.

Há muitos hábitos em nós que partem do nosso inconsciente, vamos reproduzindo e reproduzindo atitudes, permitindo que toda a nossa vida seja pautada por um fator quase que determinante. Nem sempre tomamos consciência do que nos puxa para baixo e nem por quais motivos isso acontece e por isto não assumimos nosso papel de líderes de nossas vidas.

Se não tomarmos consciência real dos nossos atos, vamos minando a nossa força de vontade e ficando para trás na nossa própria missão. Certas coisas não partem do que queremos ou somos, elas podem vir de outras pessoas, nosso contexto ou da nossa história.

Perceba que muitas pessoas, ou até você mesmo, já se deparou com a sua vida estagnada em algum âmbito, você já tentou de diversas formas que algo acontecesse, mas sente que aquilo não flui naturalmente com você, mas com as pessoas ao redor funciona perfeitamente. O problema, muitas vezes, não está em você, mas na sua história, no que foi ensinado ou até mesmo no que ouviu quando estava na barriga da sua mãe.

Independente disto, tenha os olhos e ouvidos voltados para entender e compreender o que aconteceu, permita-se olhar para trás e no espaço suficiente de tempo para aprendizado, deixe o que passou e aprenda novos atos. Seja líder da sua história e não simplesmente refém do que fizeram com você.

Mas como tomar consciência dessas atitudes e reverter o que deve ser revertido?

Perceba o que hoje está parado na sua vida, olhe com cuidado a sua história e trajetória até aqui. Use a técnica do exame de consciência e tome nota de quais situações parecem sem saída, verifique se isso repete-se com uma frequência indesejada por você, se assim o for, comece a se questionar por quais motivos isso acontece, o que te leva a tomar as atitudes que toma, por que não consegue reverter a situação; é só tomando essa consciência de si mesmo, que você começa a agir de forma contrária a isso.

Este inclusive será o seu exemplo quando desejar liderar outras pessoas para mudanças, para novos aprendizados ou ainda mais desenvolvimento de competências.

O autoconhecimento é um eterno diálogo consigo mesmo, é um eterno questionamento em busca do seu eu mais profundo, daquilo que pode ser mudado, modificado, ajustado. Só assim, fazendo esse trabalho de formiguinha que você consegue entender por quais motivos a sua vida está da forma que está ou por que alguns problemas não se resolvem nunca. 

Autoconhecimento é uma chave para abrir portas que te levarão a conquistar aquilo que você procura e o sentido que direciona a sua vida. Se isto não é liderar, eu realmente desconheço o que é.

Encontre com você as metodologias que funcionam para o crescimento, lidere os passos de ação e comemore os resultados alcançados. Depois deste mergulho profundo da possibilidade real de transformação é possível ser espelho para propor estratégias de aperfeiçoamento em outras pessoas.

É permitindo-se ser líder de si mesmo que se chega ao amadurecimento de ser líder de grandes grupos e o primeiro ponto é conhecer sua história, honrá-la e fazer o que precisa ser feito para deixar o legado positivo da evolução e não somente da repetição disfuncional.

Compartilhe:​

Qual sua opinião? Deixe seu comentário