1 de julho de 2022
Prancheta 2@3x (1)

Venezuela entra em recessão com queda de 4,5% do PIB

A economia da Venezuela entrou em recessão ao registrar entre julho e setembro queda no PIB de 4,5%, segundo números divulgados pelo BCV que acumulou um 2° trimestre em baixa

O PIB do país sul-americano avançou 0,3% no primeiro trimestre do ano, mas contraiu 2,4% no segundo e quase duplicou essa percentagem no terceiro, com o que nos primeiros nove meses do ano acumula um retrocesso de 2,2%, informou o BCV em uma nota informativa. A economia venezuelana vai recuar entre 1% e 2,2% neste ano, anunciou o ministro da Economia, Alí Rodríguez. O Banco Central assegurou que a contração é consequência “da crise financeira global” e que o comportamento econômico no 3° trimestre esteve determinado “pela diminuição registrada tanto pela atividade petrolífera (9,5%) como pela não petrolífera (3%)”.
Explicou que a queda da atividade petrolífera inscreve-se “no cumprimento dos cortes na produção de petróleo, estipulados pela Opep a fins do ano 2008, para conseguir a estabilidade dos mercados energéticos e a recuperação dos preços do petróleo, o que se traduziu em um menor nível do volume de vendas externas”. Embora o peso mais significativo à contração forneça o setor petroleiro, considerado a “locomotiva econômica do país”, o BCV resenhou que também afetou a indústria manufatureira.
“A indústria manufatureira privada mantém a contração no volume de produção” assinalou a entidade, que destacou a queda de 23,7% na produção de veículos, 5,3% nos produtos químicos e 7,3% na indústria de alimentos.
Como exceções a esta tendência recessiva indicou que a construção cresceu 4,3% e o setor das telecomunicações 11,4%. A nota do BCV afirmou também que a economia está em um “complexo contexto” e ratificou seu “compromisso de manter um permanente acompanhamento e avaliação do entorno internacional e suas incidências na economia nacional”.
Igualmente se comprometeu a “continuar antecipando ações de política, em coordenação com o Executivo Nacional, tendentes a impulsionar uma extensão propícia da atividade econômica do país”.

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Anúncio

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email

Siga-nos

Notícias Recentes

JC Play

Podcast

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email