Setor registra crescimento de 5,37% em setembro

As vendas nos supermercados registraram alta de 5,37% (já descontada a inflação) em setembro em relação ao mesmo período de 2006, segundo dados divulgados pela Abras (Associação Brasileira de Supermercados). Na comparação com agosto, o crescimento foi de 0,54%. No acumulado do ano, encerrado em setembro, as vendas reais do setor apresentaram expansão de 6,46%.

Em valores nominais, o faturamento do setor supermercadista cresceu 0,72% em setembro em relação a agosto, e 9,74% na comparação com o mesmo mês do ano passado.

Nos nove primeiros meses deste ano, sob a perspectiva do faturamento, as vendas registraram aumento de 10,11%.
O índice Abras Mercado, que apura o preço de 35 produtos de alto consumo, apurou recuo real -já descontada a inflação pelo IPCA (Índice de Preços ao Consumidor Amplo)- de 9,76% em setembro ante o mesmo período de 2006, chegando a R$ 218. Na comparação com agosto, a queda real foi de 1,23%.

No mês anterior, o custo da cesta foi de R$ 221,12.
O setor supermercadista espera vendas 11% maiores para as festas de final de ano na comparação com o mesmo período em 2006.

Segundo Sussumu Honda, presidente da Abras, o ingresso do 13º salário, mais bônus e gratificações, associados às promoções realizadas pela indústria, vão puxar a expansão nesse perío-do. Ainda conforme Honda, de acordo com o porte da loja, o período de Natal representa alta nas vendas de 25% a 40% em dezembro sobre o mês anterior.

Dos empresários consultados pela Abras, 65% afirmaram ter ampliado os pedidos à indústria, 33% mantiveram o nível de encomendas do ano passado e apenas 2% diminuí-ram.

Os supermercadistas afirmaram que aumentaram suas encomendas de brinquedos em 15% na comparação com mesmo período do ano passado. Também afirmaram que pediram 13% a mais de panetones, 10% a mais de carne do tipo “chester”, 12% a mais de bebidas natalinas nacionais, e uma quantia 14% maior de cerveja e refrigerante.

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email