Pensão vitalícia de Zeca do PT é inconstitucional

O STF (Supremo Tribunal Federal) declarou inconstitucional a lei que autorizava o pagamento de pensão vitalícia de R$ 22,1 mil ao ex-governador do Mato Grosso do Sul José Orcírio Miranda dos Santos, o Zeca do PT. Por dez votos a favor e um contra, o plenário da Suprema Corte acatou a Adin (Ação Direta de Inconstitucionalidade) apresentada pelo Conselho Federal da OAB (Ordem dos Advogados do Brasil). Com a decisão, o pagamento do benefício será suspenso definitivamente.
No dia 13 de julho, a ministra Ellen Gracie, presidente do STF, já havia determinado a suspensão do pagamento da aposentadoria.

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email