Obama confia na recondução de Bernanke ao Federal Reserve

Congresso deve examinar se Ben Bermanke continua no cargo

O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, expressou sua total confiança em Ben Bernanke, no momento em que o Congresso deve examinar a recondução do presidente do Fed (Federal Reserve, o BC americano), cujo mandato expira no fim deste mês, informou o porta-voz da Casa Branca, Bill Burton.
“O presidente confia plenamente no trabalho empreendido pelo presidente Bernanke para impedir nossa economia de desabar”, explicou Burton, a bordo do Air Force One.
“O presidente acredita que ele tem todas as competências necessárias para o cargo, e está convencido de que sua nomeação será confirmada”, acrescentou Burton.
Bernanke foi confirmado no cargo pelo Comitê Bancário do Senado americano no dia 17 de dezembro do ano passado, para mais um mandato de quatro anos, mas a votação ainda vai para o plenário do Senado.
O líder dos republicanos no comitê, senador Richard Shelby, votou contra o nome de Bernanke à época. “Desaprovo fortemente alguns dos feitos do Fed no passado quando Bernanke era membro e quando se tornou presidente, e não confio no pouco planejamento que ele articulou para o futuro”, disse Shelby.
O senador democrata que se opôs ao nome de Bernanke foi Jeff Merkley. “Como presidente do Fed, Bernanke falhou em reconhecer os fatores que pavimentaram o caminho para essa difícil recessão”, afirmou. “Após o colapso de nossa economia, é evidente que ele não mudou sua abordagem geral de priorizar Wall Street, e não as famílias americanas.”
Bernanke, que é especialista na Grande Depressão, assumiu o comando do Fed em fevereiro de 2006, na gestão do presidente George W. Bush (2001-2009), substituindo Alan Greenspan, que comandou o banco por 18 anos. Ele foi confirmado no cargo em agosto deste ano pelo presidente americano, Barack Obama, para um segundo mandato.

Currículo Profissional

Doutor em Economia pelo prestigioso Instituto de Tecnologia de Massachusetts (MIT), Bernanke foi professor por muitos anos na Universidade de Princeton, onde dirigiu o departamento de Economia de 1996 a 2002 -ano em que foi nomeado para trabalhar no Fed; em 2005 foi escolhido para presidir o grupo de assessores econômicos do presidente Bush. Foi escolhido pela revista americana “Time” como “Personalidade do Ano”. Segundo a revista, a razão principal para a escolha dele é que Bernanke é “o personagem mais importante na condução da economia mais importante do mundo”.

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email