Morales toma posse com destaque para avanço do país

Em pouco mais de três horas de discurso, o presidente reeleito da Bolívia, Evo Morales, começou oficialmente seu segundo mandato na última sexta, e terá duração de cinco anos

Em pouco mais de três horas de discurso, o presidente reeleito da Bolívia, Evo Morales, começou oficialmente seu segundo mandato na última sexta, e terá duração de cinco anos. Morales aproveitou para mandar um recado aos governos dos países desenvolvidos, que a seu ver, defendem o incremento econômico pela ocupação da natureza. Também ironizou os Estados Unidos e sua política de ocupação. A crítica aos norte-americanos ocorre dois depois de ele repudiar a presença dos 12 mil militares enviados pelos Estados Unidos ao Haiti, país devastado por um terremoto no último dia 12.
“Avançamos muito nestes quatro anos, mas é preciso fazer muita coisa. Tenho um pedido aos países desenvolvidos: é possível acabar com a fome e a miséria, sem destruir a natureza”, afirmou Morales.
Morales fez um balanço detalhado dos quatro anos de seu primeiro governo. Pelos dados revelados por ele, o PIB (Produto Interno Bruto), soma de todos os bens e serviços produzidos no país) subiu de 3,45%, em 2005, para 4,75%, em 2009. No país, que registra 10,2% de desempregados, Morales destacou que foram abertas 28 mil vagas de trabalho apenas no ano passado outra conquista foi o registro de 170 cooperativas e 1.298 sindicatos em funcionamento no país.

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email