Leilão do Madeira é adiado para dezembro

O presidente da EPE (Empresa de Pesquisa Energética), Maurício Tolmasquim, informou ontem que o leilão da usina de Santo Antonio, no rio Madeira, será realizado no dia 10 de dezembro.

Desta forma, o governo federal atende a um pedido de adiamento do leilão feito pela Aneel (Agência Nacional de Energia Elétrica). Até ontem, a data oficial era 29 de novembro. Segundo a assessoria de imprensa da agência, foi apresentado ao ministério de Minas e Energia um cronograma mínimo para a licitação que prevê um tempo maior para que sejam incorporadas as diretrizes do leilão –que serão enviadas pelo ministério — e para que os competidores analisem o edital.

A ministra da Casa Civil, Dilma Rousseff, teria confirmado em Washington (EUA) o adiamento. A expectativa é de que a Aneel analise o edital na reunião de diretoria do dia 30. Por lei, o documento tem que ser lançado até um mês antes do leilão. As diretrizes para o leilão das usinas do rio Madeira deverão ser publicadas no Diário Oficial da União de hoje.

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email