15 de abril de 2021

Festival da Castanha movimenta produção em Beruri

Por ano, a produção da castanha do Brasil chega a 10 mil hectolitros. O número é recorde no município que vem crescendo por conta do grande incentivo no setor extrativista

Por ano, a produção da castanha do Brasil chega a 10 mil hectolitros. O número é recorde no município que vem crescendo por conta do grande incentivo no setor extrativista. Beruri é um pequeno município do Amazonas, localizado à margem direita do rio Purus. Possui cerca de 15 mil habitantes – 7 mil estão na cidade e 8 mil no interior. O apoio à castanha do Brasil tem sido o foco maior dos serviços de Assistência Técnica e Extensão Florestal do Idam.
Hoje, 300 agricultores familiares são assistidos pelo Instituto. Além do acompanhamento permanente, eles são orientados sobre a melhoria da qualidade do produto, por meio da socialização de boas práticas de coleta, lavagem, seleção, secagem e armazenamento, em função da prevenção e controle da contaminação por fungos produtores de aflatoxina, que depreciam o produto e restringem a comercialização.
A atividade é bastante convidativa. Além dos homens, as mulheres também entram em ação. Cinco delas que moram nas comunidades do Assentamento PA Beruri, Paraná do Castanho e do Lago do Aiapuá (São João Batista) foram treinadas para expor a culinária da castanha durante o 2º. Festival da Castanha. O evento ocorreu em agosto e atraiu 10 mil pessoas, entre visitantes e público local.
A castanha-do-Brasil ganhou fama e, além de Manaus, a produção do município é comercializada no estado do Pará. Segundo o gerente da Unidade Local de Beruri, Isvaldo Lima, a expectativa é que haja expansão do produto a partir da inauguração da Usina de Beneficiamento da Castanha, prevista para novembro deste ano. O novo empreendimento vai oferecer 40 empregos diretos e 300 indiretos aos moradores locais. A usina terá capacidade de beneficiar 01 tonelada de castanha por dia.

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email