Feriado prolongado anima setor de turismo

Quem pretende viajar no feriado prolongado de Páscoa e Tiradentes (18 a 21 de abril) e ainda não planejou precisa se organizar financeiramente para não estourar o orçamento. Mesmo faltando poucos dias, a orientação é pesquisar com atenção os melhores preços de hospedagens, passagens e pacotes. Os economistas da Serasa Experian recomendam que o consumidor procure promoções de última hora realizadas pelas agências de turismo, companhias aéreas e sites de compras coletivas.
Segundo dados da Hitwise, ferramenta líder de inteligência em marketing digital da Serasa Experian, termos relacionados aos destinos nacionais Ouro Preto (MG), Blumenau (SC), Rio de Janeiro (RJ), Beto Carreiro (SC) e Caldas Novas (GO) foram os que mais geraram visitas para a categoria ‘Viagem – Destinos e Acomodações’ (que engloba os sites de provedores de hospedagem, como hotéis e cadeias hoteleiras, além de sites que facilitam a reserva de hospedagem, incluindo sites terceirizados de reservas) no período de 4 semanas terminado em 12 de abril de 2014.
É importante que o consumidor esteja seguro ao fechar uma viagem para não ser tornar vítima de golpes, como ser surpreendido pelo fechamento da empresa às vésperas do passeio. Para se proteger e não ter dor de cabeça, o consumidor pode consultar a situação financeira de qualquer empresa do Brasil por meio do serviço Você Consulta Empresas da Serasa. Com a pesquisa (www.voceconsultaempresas.com.br), é possível saber sobre a existência legal da empresa, endereço, telefone, participação societária, faturamento, além de verificar se há pedido de falências, ações judiciais, ocorrências de protestos e cheques sem fundos.
Os economistas da Serasa Experian prepararam oito dicas para ajudar o consumidor a se planejar e curtir o feriado gastando menos. Veja algumas dicas:
1ª) Pesquise o preço das passagens nos sites das empresas aéreas e terrestre e agências de turismo. Horários alternativos, como madrugada, geralmente têm descontos. Avalie também as condições oferecidas por cada empresa e informe-se sobre juros cobrados em caso de parcelamento longo. No caso de passagem aérea, verifique se já estão incluídas as taxas de embarque;
2ª) Procure e verifique com atenção as promoções de última hora realizadas pelas agências de turismo, companhias aéreas e sites de compras coletivas;
3ª) Se optar por pacotes de viagem, analise várias agências, pesquise preços, condições de pagamento e outros detalhes. E não se esqueça de verificar se a empresa escolhida possui uma situação financeira estável, para não ser surpreendido às vésperas da viagem. Com uma consulta no valor de R$16,90, o consumidor fica sabendo, por exemplo, se a agência de turismo não está inadimplente e à beira da falência.

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email