15 de maio de 2021

Feiras movimentam R$ 7 milhões

Circularam pela cidade durante o período 800 veículos de passeio, e foi registrada uma movimentação de R$ 5,2 milhões só com ações de crédito.

A 15ª Festa do Leite e a 14ª Feira Agropecuária atraíram, no último fim de semana, cerca de 60 mil pessoas para o município de Autazes, a 110 quilômetros em linha reta de Manaus. As inovações como shows de rodeios, apresentações musicais e a manutenção de algumas tradições da cultura local como o banho de leite, tomado pela rainha da festa, são os principais atrativos do público que se dispôs a pegar duas balsas além do percurso rodoviário (mais de 100 km de estrada) para chegar até o parque de exposição -centro do espetáculo que movimentou em torno de R$ 7,25 milhões no período de 4 a 10 de novembro.

O presidente da ADS (Agência de Desenvolvimento Sustentável), órgão que dá suporte à infra-estrutura das feiras agropecuárias no Amazonas, Valdelino Cavalcante, disse que a cada ano, esses eventos se superam em volume de negócios por conta do crescimento do setor primário, que puxa a demanda de maiores investimentos em tecnologias e equipamentos. “Isso reflete na qualidade e produtividade das cadeias. As feiras no Amazonas já atingiram hoje um nível de profissionalismo fantástico em função do crescimento do setor primário, graças às políticas incentivadoras do programa Zona Franca Verde, que é pai da retomada das atividades econômicas no interior do Estado”, explicou Valdelino.

Para se ter uma idéia, as feiras são consideradas o motor da economia dos municípios onde elas se realizam. O evento mobiliza todos os setores do município como hotelaria, restaurante, transporte de balsas, lanchas, voadeiras, mototáxi, ônibus, Kombi, e outros meios de transportes, que juntos movimentaram em torno de R$ 2 milhões. Circularam pela cidade de Autazes durante o período, 800 veículos de passeio além de ser registrada uma movimentação de R$ 5,2 milhões só com ações de crédito das instituições financeiras representadas pelo Banco do Brasil, Afeam (Agência de Fomento do Amazonas) e Banco da Amazônia. As feiras proporcionaram 1.200 postos de trabalho, diretos e indiretos.

O prefeito do município, Tomé Filho, disse que o resultado foi além das expectativas, destacando o público que compareceu ao evento, e o apoio do governo do Estado na organização por meio da Sepror (Secretaria de Estado da Produção Agropecuária) e da ADS.

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email