Crédito para veículos cai 7,3%

Para novas contratações, a retração de financiamento foi de 8,3% no primeiro semestre

O estoque de créditos contratados para aquisição de veículos caiu 7,3% no acumulado em 12 meses até junho, de acordo com dados divulgados pelo Banco Central nesta quinta-feira (30). Considerando apenas os primeiros seis meses do ano, a queda registrada foi de 6,1%.
Para novas contratações, a retração para esta linha de financiamento foi de 8,3% no primeiro semestre de 2015, na comparação com o mesmo período do ano passado. Os dados mostram que o ciclo de alta de juros promovido pelo BC desde outubro de 2014 impactou fortemente o financiamento de carros no país.
Outro setor que mostra sinais de contração é o de crédito imobiliário. Nos primeiros seis meses de 2015, a retração das concessões para aquisição de imóveis é de 3,2%. Em junho, foram concedidos R$ 8,8 bilhões, ante R$ 11,3 bilhões no mesmo mês de 2014.
O estoque de crédito imobiliário também mostra arrefecimento. Em 12 meses, o total de dinheiro emprestado para a compra da casa própria cresce 23,3%. No ano passado, em igual período, esse crescimento era de 28%.
De acordo com o chefe do departamento econômico do BC, Túlio Maciel, mudanças nas regras de concessão de crédito e o percentual menor de financiamento das unidades habitacionais proposto pelos bancos explicam o atual cenário.
O saldo das contratações de crédito por parte de empresas que recorreram ao BNDES (Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social) também registrou queda em junho, de 0,3%. Em 12 meses, a expansão também vem caindo: até junho o crescimento foi de 14,1%, ante os 14,9% registrados até maio. As concessões de novos créditos recuaram 21,2% no ano.

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email