3 de julho de 2022
Prancheta 2@3x (1)

Corinthians vence Fortaleza e assume a liderança provisória do Brasileirão

Um gol contra foi necessário para colocar o Corinthians provisoriamente na liderança do Campeonato Brasileiro. Depois de um difícil primeiro tempo contra o Fortaleza na Neo Química Arena, hoje (1), a equipe de Vítor Pereira garantiu a vitória por 1 a 0 na segunda etapa quando Matheus Jussa balançou as próprias redes.

A vitória levou o Corinthians aos nove pontos, suficiente para ultrapassar Atlético-MG e Red Bull Bragantino, ambos com oito pontos, e chegar à liderança da competição. O time alvinegro ainda pode ser ultrapassado em três cenários: Inter ou Avaí vencendo o jogo entre eles por quatro gols de diferença ou o Santos vencendo o São Paulo, amanhã (2), no Morumbi, resultado que levaria a equipe da Vila Belmiro para os 10 pontos.

Já o Fortaleza mantém o início ruim no Brasileirão. A equipe perdeu todos os três jogos que fez até aqui e ocupa a lanterna da competição sem pontos.

O que vem agora As duas equipes voltam as suas atenções para a Libertadores. O Corinthians visita o Deportivo Cali, na Colômbia, na quarta-feira (4), às 21h (de Brasília). Um dia depois, às 19h (de Brasília), o Fortaleza recebe o River Plate.

O Corinthians teve um gol anulado logo aos 7 minutos, quando Junior Moraes tocou com o braço na bola antes de mandar para as redes. Depois disso, o Fortaleza dominou o primeiro tempo e também chegou marcar, mas o lance acabou anulado por impedimento de Silvio Romero.

No segundo tempo, o Corinthians abriu o placar logo aos 7 minutos. Maycon cruzou em direção a Gil e a bola bateu na cabeça de Matheus Jussa antes de ir para o fundo das redes. Gol contra. O Corinthians quase ampliou o placar aos 21 minutos, mas parou em uma defesa espetacular de Max Walef. Depois de escanteio cobrado por Maycon, Gil cabeceou e o goleiro impediu o segundo gol. O melhor: Willian.

Atuando pela direita no primeiro tempo e na esquerda no segundo, Willian foi o grande desafogo nos momentos de maior dificuldade do Corinthians na partida. A velocidade e os dribles do experiente atacante ajudaram a criar as principais jogadas ofensivas dos donos da casa. No segundo tempo, foi aplaudido pela torcida quando deixou o campo para a entrada de Gustavo Mosquito. O pior: Renato Augusto.

O experiente meia não esteve em sua melhor tarde. Renato Augusto mostrou pouca velocidade para fazer a ligação do meio com o ataque, criando poucas alternativas para superar a forte marcação feita pelo Fortaleza na primeira etapa. Acabou substituído por Raul Gustavo no intervalo.

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Anúncio

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email

Siga-nos

Notícias Recentes

JC Play

Podcast

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email