CNPq oferece R$ 26,4 mi para projetos em agronegócios e pesca

O CNPq (Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico) lançou quatro editais para financiamento de pesquisas em agronegócios e pesca, que totalizam R$ 26,4 milhões.
O edital 069/2009 seleciona projetos para desenvolver, em forma de rede multi-institucional, tecnologias facilitadoras da nutrição vegetal, visando maior competitividade do agronegócio brasileiro. As propostas aprovadas serão financiadas com R$ 3 milhões do Fundo Setorial do Agronegócio.
O objetivo é desenvolver tecnologias e produtos para a aplicação de bactérias diazotróficas de gramíneas e fungos micorrizicos para reduzir a demanda externa do Brasil por fertilizantes nitrogenados e fosfáticos, além de promover a sustentabilidade agrícola. A inscrição vai até 4 de dezembro.
Já o edital 032/2009, também com R$ 3 milhões do Fundo Setorial do Agronegócio, visa apoiar projetos de levantamento, em nível mundial, das pragas e doenças associadas às principais culturas geradoras de divisas para o agronegócio do país, além de estudos de análise de risco de pragas.
Os projetos devem contribuir significativamente para o fortalecimento das ações de Defesa Sanitária Vegetal, com estudos e geração de informações que possam subsidiar o estabelecimento de requisitos fitossanitários para a importação de produtos vegetais com potencial de introdução de pragas quarentenárias no Brasil, assim como a formulação de políticas públicas voltadas à segurança fitossanitária no país. As inscrições vão até 4 de dezembro.
Já o edital 042/2009 apoia projetos de pesquisa interdisciplinares em genômica e proteômica para promover a formação e o fortalecimento de grupos de pesquisa consorciados. Estão disponíveis R$ 13 milhões, sendo R$ 6 milhões do Fundo Setorial do Agronegócio, R$ 6 milhões do Fundo Setorial de Biotecnologia e R$ 1 milhão do MCT.
O objetivo é fortalecer infraestrutura e centros de excelência e ampliar a competência nas áreas, contribuindo para formação de pessoal especializado. As inscrições terminam 4 de dezembro.
Por fim, o edital 036/2009, em parceria com o Ministério da Pesca e da Aquicultura, visa fomentar o desenvolvimento da pesca nacional, considerando a otimização das cadeias produtivas de pescados tradicionais sem aumento do esforço de pesca, além de novas cadeias produtivas. Estão disponíveis R$ 7,3 milhões e as inscrições vão até 7 de dezembro.
O edital é composto por duas chamadas distintas. A primeira busca subsídios para o estabelecimento de políticas para desenvolvimento sustentável da pesca marinha no Brasil. Já a segunda chamada visa estimular a criação e a estruturação de uma rede de pesquisa e tecnologia em piscicultura marinha. Os editais podem ser conferidos no endereço da internet: www.cnpq.br/editais/ct/2009.

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email