Anori recebe capacitação sobre Delícias da Laranja

Uma alternativa de renda foi proporcionada pela Unidade Local do Idam de Anori às mulheres do município, por meio do curso Delícias da Laranja realizado no final do mês de maio.
O evento fez parte da programação da 18º Festa da Laranja. Por meio de aulas teóricas as participantes conheceram as mais diferentes formas de transformar a laranja em derivados, mas foi na prática que elas puderam colocar o aprendizado em ação e utilizaram a fruta para a confecção de compota, pudim, bolo. Técnicas simples, mas que eram deixadas de lado por falta de conhecimento. Agora, no cardápio das participantes até a casca da laranja é utilizada.
O frango ganhou um ingrediente a mais, e pode ser servido ao molho da laranja, uma delícia aos olhos de quem vê e ao paladar de quem saboreia. A laranja é a menina dos olhos da população de Anori, por conta disso, a atenção aos produtores é redobrada. No município, o interesse pela fruta aumenta a cada ano. E a produção também. Pelo menos novas mudas de laranja foram distribuídas. O Idam apóia, incentiva, orienta e acompanha os agricultores que se dedicam a esta e, às outras culturas. Em 2009/2010 a produção é de 950 frutos. A perspectiva para a próxima safra é de um milhão e cinquenta mil laranjas.

Conab investe R$ 3,6 milhões

A Superintendência Regional da Conab/Amazonas já formalizou convênios, em 2010, na ordem de R$ 3.626.896,85, com associações, cooperativas e colônias de 11 municípios do Amazonas objetivando a aquisição de produtos regionais de agricultores familiares, piscicultores e pescadores artesanais evitando o desperdício de alimentos e gerando renda ao produtor rural. Cada agricultor familiar pode negociar até R$ 4.500/ano com o governo federal.
Entre os produtos que serão adquiridos durante a execução do convênio, que é viabilizado por meio do Programa de Aquisição de Alimentos (PAA), e que pode durar até um ano, estão a banana, maracujá, melancia, mamão, coco, macaxeira, abóbora, tambaqui curumim e peixe popular. Os municípios beneficiados foram: Benjamim Constant, Caapiranga, Careiro da Várzea, Fonte Boa, Humaitá, Manacapuru, Manicoré, Parintins, Rio Preto da Eva, Silves e Tefé. Parintins foi o município que recebeu o maior volume de recursos, na ordem de R$ 800 mil, afirmou o superintendente da Conab, Thomaz Silva.
Os alimentos serão doados no próprio município para instituições governamentais e não governamentais que desenvolvem trabalho em prol de famílias em situação de insegurança alimentar e nutricionais.
Os grupos formais com dificuldade em comercializar a produção devem procurar a superintendência da Conab a fim de receber orientação sobre o acesso ao PAA do Governo Federal.
O PAA é operacionalizado com recursos do MDS (Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome) e do MDA (Ministério do Desenvolvimento Agrário), sendo uma ferramenta de apoio à comercialização da agricultura familiar, extrativismo, piscicultores e pescadores artesanais.

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email