Pesquisar
Close this search box.

“Todo poder emana do povo”

Toda semana, no Brasil, existem notícias ruins vindas, principalmente, de Brasília, local onde estão os piores gestores desse país: um quadro   desastroso no qual impera  o ostracismo e a incompetência.  Lá os ministros escolhidos a dedo pelo presidente “mandam e desmandam” — estamos  sendo conduzidos ao fundo  do poço. E, decorrente do apoio que o governo federal e seu inconsequente Ministro da Justiça dão ao crime organizado, o balneário de Porto de Galinhas (PE) segue as regras do CV, o qual domina o tráfico de drogas no balneário, chegando à faturar 10 milhões de reais por mês, segundo a policia, além de impor a lei do silêncio. Agora, há coisas novas: um fato denominado “traição rasteira” — decorrente da atitude do Ministro Jaques Wagner, cujo voto não  obedeceu aos ditames do  STF. E, assim, seus  integrantes pediram sua destituição ou a guerra está declarada entre os Poderes. A Constituição Federal diz que o poder é do povo. Mas quem é esse povo?

Diante desse cenário que é “res inter alios” — segundo minha opinião. O Ministro Gilmar Mendes declarou guerra à vista; o que é bizarro porque é inconsequente.

Mas apurar o fato que gerou a morte de um inocente na cela — eis que não havia nem acusação ou denúncia —;  os desacreditados se omitem na vã tentativa de se esquivarem da cristalina culpa que é toda do Ministro Alexandre, que usando seu cargo não atendeu nem o pleito da Polícia Federal, nem o do Ministério Público Federal. Deu as costas para os atestados médicos e ao parecer da Procuradoria Geral da República.  Será que estamos  diante de um crime de assassinato? Aliás, Tiago Pavinato em suas análises sempre perfeitas entende que o  Ministro Alexandre deve pegar 19 anos de cadeia. E  acrescento: sem direito a atendimento médico, odontológico e remédios.

Porém, uma das coisas que causa revolta em todo brasileiro são as altas despesas de viagens internacionais; sendo a próxima para Dubai, aumento da carga tributária; rombo nas contas públicas que será de 177 bi em 2023, invasões em terras produtivas, etc. Lula é desacreditado no mundo e vem demonstrando  sua incompetência na direção do país, o povo trabalhador “come o pão que o diabo amassou”. 

Recentemente, o presidente foi desprezado pelo Senado e agora pelo Supremo, o Ministro  Gilmar Mendes acaba de dizer que “no STF não há covardes”. Contudo, a humilhação maior veio de um brasileiro que ao ser indagado ao desembarcar do voo que trouxe os que se  encontravam retidos pelos genocidas do Hamas, assim disse : “quero agradecer ao Bolsonaro pelo nosso regresso porque a Globolixo  retrata a falsidade e não a verdade dos fatos”.

Pobre Lula humilhado e desprezado pelo brasileiro e agora pelo STF e pelo legislativo; enquanto Bolsonaro sai às ruas e praias. Ele irá à posse de Javier Milei na Argentina, país que pretende “varrer o comunismo do seu mapa”. E, parodiando o Ministro Gilmar Mendes, não somos covardes, exigimos liberdade e o cumprimento da Constituição Federal —  “Todo poder emana do povo”.

Manaus, 28 de novembro de 2023

JOSÉ ALFREDO FERREIRA DE ANDRADE Ex-Conselheiro Federal da OAB/AM nos Triênios 2001/2003 e 2007/2009 -OAB/A

Compartilhe:​

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Notícias Recentes

No data was found
Pesquisar