Pesquisar
Close this search box.

DeREGREDIR, BRASIL!

       No âmbito da atual insegurança jurídica que atravessa o país é de se indagar qual será o pior dos males? Abolir o estado democrático de direito —  já afastado na prática — ou assistir o enterro da democracia combalida pela gestão de um Ministro que exala ódio pelas paredes de uma sala que não fala. Recentemente, houve novas ofensas à  ordem jurídica e constitucional do Brasil que foram perpetradas por Alexandre de Moraes que não considerou a manifestação da PGR, foi um autêntico ato de ditador  envergonhando  a toga que veste; remontando à lei do Talião; ou seja, olho por olho, dente por dente. Os três poderes foram enterrados e o livre exercício  foi eliminado de suas práticas. O referido Ministro  zomba do legislativo — não reúne condições morais para o exercício  do cargo. Nunca irão ressuscitar Stalin, nem Lenin  apesar de tentarem.

    Hoje, o povo brasileiro nutre o sentimento de injustiça.  O brasileiro presencia a perda das liberdades e vê o país regredir em vários aspectos: combate à fome, aumento do desemprego; um Judiciário inexpressivo; um Legislativo fraco e omisso; tudo levando a crer que a falência das instituições  democráticas não tardará. Uma nação cujo  governo desrespeita os poderes; ora interferindo, ora ignorando e o presidente tem fome de vingança — isso ocasiona o não governar.  Esperar o que desse cenário obscuro e indefinido.

   Nenhum poder “está acima dos demais em países sérios”, afirmou Marcos Pontes. Afinal,  não vimos nenhum trabalho em benefício do povo, mas vimos o MST derrubar plantações; indivíduo desqualificado ser preso com 20 mil arquivos de pornografia infantil; facções criminosas invadirem terras indígenas dos Yanomami.

    E, vimos também o presidente vetar R$ 4 bilhões para pesquisas e novos cargos em universidades… Mas para emprestar R$ 4 bilhões para a Argentina através do BNDES esse governo comunista tem recursos. Infelizmente, o lulismo está  bem pior, por ignorar o combate à fome e à corrupção; e premiará o povo com um aumento de 13,27% nas tarifas de energia elétrica. E um dos males é saber que “os 10 milhões que deixaram a pobreza em 2022, estão retornando…”.

    E, com seu fígado expelindo ódio, o presidente ataca gratuitamente de forma covarde os Estados Unidos, a quem culpa pelo caos vigente na Venezuela, existente há décadas….Se deseja um litígio,  terá.

    Mas o pior está chegando: a destruição dos valores morais, cristãos e familiares. Cooptaram o Exército porque está preocupado com suas botas; omisso e  cúmplice do enterro do povo. Saudades de Caxias. 

Manaus,  30 de maio de 2023

JOSÉ ALFREDO FERREIRA DE ANDRADE

Ex-Conselheiro Federal da OAB/AM nos Triênios 2001/2003 e 2007/2009 – OAB/AM 

Compartilhe:​

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Notícias Recentes

No data was found
Pesquisar