15 de abril de 2021

CPI aprova pedido de investigação do MPAM sobre Anjos da Saúde

A Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Saúde aprovou na manhã de ontem requerimento solicitando ao Ministério Público do Amazonas (MPAM) a abertura de inquérito para investigar o projeto Anjos da Saúde diante de indícios não esclarecidos de tráfico de influência, falsa identidade e falso testemunho cometidos pela jornalista Carla Pollake, ouvida ontem como testemunha em reunião da CPI.

“Ficou claro no material colhido pela comissão a obtenção de vantagens indevidas, além de usurpação de função pública; crimes graves que precisam ser investigados pelo MPAM”, justificou o presidente da CPI da Saúde, deputado Delegado Péricles.

Durante depoimento na Aleam, Carla Pollake disse que a participação sua e de seu marido Inácio Ferreira no projeto Anjos da Saúde ocorreu de forma voluntária. Ela disse não ter recebido qualquer pagamento do Governo do Estado por consultoria.

O nome de Carla Pollake ganhou força nas investigações da CPI após depoimento do ex-secretário da Susam, Rodrigo Tobias. O gestor revelou que o projeto Anjos da Saúde, que custou R$ 6 milhões aos cofres do Estado, foi deferido pela `número três do governo do Amazonas` (em referência a Carla), passando por cima de indicações de pendências feitas pelo até então titular da pasta. O fato teria sido o estopim para a saída de Tobias, no dia 8 de abril, e o anúncio de Simone Papaiz para o cargo.  

O requerimento para solicitação de investigação sobre o projeto Anjos da Saúde por parte do MPAM foi aprovado por quatro dos cinco membros da CPI, com voto contrário do deputado Dr Gomes que argumentou que órgãos de controle como o TCE/AM é que deveriam analisar a prestação de contas que envolvem o projeto, além de argumentar que o requerimento poderia ser encaminhado com pedido de informações para a Secretaria de Saúde (Susam) e a Agência de Desenvolvimento Sustentável do Amazonas (ADS).

Integram a CPI da Saúde os deputados Delegado Péricles, Fausto Júnior, Serafim Corrêa, Wilker Barreto e Dr. Gomes.

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email