O Zoom está expandindo sua oferta além das videochamadas com o lançamento do Zoom Phone, um serviço pago que inclui telefonia convencional, no Brasil e em outros 24 países nesta semana.

O sistema lançado há oito meses nos Estados Unidos e no Canadá já estava presente em 18 localidades. Os pacotes custam de US$ 8 a US$ 20 mensais por usuário dependendo do serviço -R$ 43,30 a R$ 108,60 considerando a cotação do dólar comercial de hoje. “Uma das dificuldades para empresas que atuam em diversos países é que cada localidade possui tarifas e operadoras diferentes”, explica Graeme Geddes, líder global de Zoom Phone e Rooms em entrevista ao Valor.

Para simplificar o modelo, segundo o executivo, foi lançado um pacote único chamado Global Select Plan que permite ao cliente escolher um número local e fazer chamadas ilimitadas dentro do país para telefones fixos ou celulares. O plano para clientes que não precisam de um número próprio para cada funcionário é o Zoom Phone Pro, começando por US$ 8 mensais por pessoa.

Em relação às negociações com as operadoras locais para oferta de telefonia convencional, o executivo informa que o Zoom já tem uma rede global de data centers que conta com o suporte das operadoras para dar suporte a chamadas de áudio e vídeo em 123 países.

“Já temos milhares de chamadas sendo feitas então não estamos criando novos contratos, mas nos adaptando às demandas das entidades regulatórias para atender as regras locais de telefonia”, afirma o executivo.

Além do Brasil, o serviço chega a outros países da América Latina também pela primeira vez incluindo Argentina, Chile, Colômbia, Costa Rica e México. Segundo Geddes, a escolha das localidades para o lançamento está atrelada ao número de usuários e às necessidades de clientes multinacionais.

O Zoom possui mais de 300 milhões de usuários no mundo todo. A empresa não divulga os números no Brasil, mas informa que a base de clientes do serviço gratuito cresceu 31 vezes entre janeiro e abril deste ano.

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email