4 de julho de 2022
Prancheta 2@3x (1)

Zona Azul maior se expande pelo Centro de Manaus

A Prefeitura de Manaus, por meio da Ageman (Agência Reguladora dos Serviços Públicos Delegados do Município de Manaus), iniciou na segunda-feira (16), a implantação da primeira etapa do sistema Zona Azul na área central de Manaus. Serão outras 1.100 novas ofertas de vagas que contemplam o lote 2 que somarão às 2.100 já em operação no centro da cidade. 

A ampliação das ofertas de vagas em estacionamentos na área central da cidade vai proporcionar maior fluidez com maior rotatividade, reforçando a organização do trânsito no centro da cidade.  Lideranças empresariais do comércio, entendem que a iniciativa vai ajudar, principalmente facilitando o acesso dos consumidores às lojas de forma mais rápida com maior rodízio.

Conforme os representantes de classe do setor, o comércio precisa desse reforço do sistema para reordenar o trânsito como forma de incentivo para o aumento e facilidade nas vendas. 

O presidente da CDL-Manaus, Ralph Assayag, mostrou-se otimista com a abrangência do sistema. “Desde a  implantação do Zona Azul a organização do trânsito no centro melhorou muito. Agora o cliente vai fazer as suas compras e já sabe onde tem vaga disponível, além disso as lojas conseguem facilitar para o cliente por meio do aplicativo uma espécie de bônus de uma hora pagos pelo próprio estabelecimento. É só dizer o número da placa do carro por número que o carro estacionou que a loja paga pelo período de uma hora para que o consumidor compre no local”. 

De acordo com o representante, o tráfego no Centro de Manaus precisa dessa organização uma vez que os estacionamentos viviam lotados, sem rodízio,  o que fazia os clientes desistirem de estacionar e migrarem para outro centro de compras. “Agora não, as vendas aumentaram e os clientes passaram a ter a opção de ter vagas disponíveis. É uma medida assertiva. Eu espero que amplie para cidade toda”, destacou Ralph, acrescentando que o sistema  ajustou e deu volume de vendas no centro. 

O presidente da Assembleia Geral da ACA (Associação Comercial do Amazonas), Ataliba Filho, que também é empresário do setor, disse que a extensão dos serviços figura um cenário bastante positivo. “Uma vez que disciplina o tempo para quem acessa o Centro. Propiciando e flexibilizando vagas às pessoas que acessam as lojas para consumir e ver sua arquitetura histórica do tempo áureo da borracha. Creio que favorece o varejo uma vez que alivia através de flexibilização de vagas o acesso às lojas e o consequente consumo”, reiterou. 

A ampliação é fundamental porque ainda há a atuação dos flanelinhas na área tornando os estacionamentos bastantes disputados. “É importante frisar que a fiscalização nesse sentido é muito importante. O sistema trouxe novas adaptações  aos lojistas e muito otimismo. Um trânsito organizado e sob fiscalização faz toda a diferença para o nosso setor que movimenta vertiginosamente a economia local”, pontuou o lojista Edson Lima. 

A importância do sistema em atender a demanda das pessoas que se dirigem até as lojas do Centro é fundamental. É o que avalia o presidente da Fecomércio (Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Amazonas), Aderson Frota. “O serviço dá coordenada para que essas pessoas tenham a oportunidade de ter acesso mais fácil, justamente por isso que o sistema tem um limite de tempo. É importante que nós tenhamos como privilegiada a clientela que busca as lojas estabelecidas na área central da cidade”. 

Liberação

O diretor-presidente da Ageman, Elson Ferreira, havia adiado a expansão do serviço Zona Azul,  após vistoria nas ruas e avenidas, entendendo ser necessária uma maior divulgação no sentido de orientar melhor motoristas e comerciantes. Na segunda-feira (16), foi liberado o início da ampliação. 

Além de ampliar as ações de orientação, Elson também recomendou uma melhor sinalização dos pontos de venda dos créditos, presença mais efetiva dos monitores e a conclusão do trabalho de sinalização da numeração de vagas nas vias.

“A orientação do prefeito David Almeida é de que esse serviço avance para outras áreas da cidade de forma a promover um melhor ordenamento na mobilidade urbana, principalmente nessa área comercial de Manaus, mas para isso se faz necessário que a empresa dê todas as condições para que o usuário possa utilizar o serviço sem transtornos”, afirmou Elson.

Sistema

Atualmente, o serviço oferta 2.100 vagas no primeiro lote já em operação na área central de Manaus. Outras 1.100 no lote 2 também no Centro e outras 629 no conjunto Vieiralves, zona Centro-Sul da capital, onde o serviço encontra-se temporariamente suspenso aguardando a conclusão de obras viárias que estão sendo realizadas na localidade.

O serviço Zona Azul é operado pela empresa Consórcio Amazônia, Tecnologia de Trânsito da Amazônia SPE – LTDA, detentora da outorga do serviço, conforme contrato nº 014/2015 –celebrado com o município de Manaus. O sistema começou a funcionar em Manaus com tarifa de R$ 2,45 a hora.

Os créditos podem ser adquiridos por meio do aplicativo Zona Azul Manaus, site www.zamanaus.com.br nos postos de venda autorizados ou ainda com os monitores.

BOX

As vias a serem contempladas a partir do dia 16 com o serviço Zona Azul serão as seguintes:

16/5 – 1ª ETAPA

RUA JOSÉ PARANAGUÁ – Trecho entre av.7 de Setembro e rua Dr. Almínio;

RUA QUINTINO BOCAIÚVA – Trecho entre as ruas Guilherme Moreira e Dr. Moreira;

GUILHERME MOREIRA – Trecho entre Quintino Bocaiúva e 7 de Setembro;

DR. MOREIRA – Trecho entre Quintino Bocaiúva e José Paranaguá;

AV. FLORIANO PEIXOTO – Trecho entre Eduardo Ribeiro e 7 de Setembro;

RUA LIMA BACURI – Trecho entre Floriano Peixoto e Dr. Almínio.

23/5 – 2ª ETAPA

RUA QUINTINO BOCAIÚVA – Trecho entre Pedro Botelho e Floriano Peixoto;

RUA MUNDURUCUS – Trecho entre rua dos Andradas e Quintino Bocaiúva;

RUA DOS ANDRADAS – Trecho entre Floriano Peixoto e Pedro Botelho;

RUA LEOVEGILDO COELHO – Trecho entre Floriano Peixoto e Miranda Leão;

CELSO PESSOA – Trecho entre rua dos Andradas e Miranda Leão;

RUA ROCHA DOS SANTOS – Trecho entre rua dos Andradas e Miranda Leão.

30/5 – 3º ETAPA

RUA MIRANDA LEÃO – Trecho entre Marquês de Santa Cruz e Pedro Botelho;

RUA LEOVEGILDO COELHO – Trecho entre Miranda Leão e rua Barão de S. Domingos;

CELSO PESSOA – Trecho entre Miranda Leão e rua Barão de S. Domingos;

RUA ROCHA DOS SANTOS – Trecho entre Miranda Leão e rua Barão de S. Domingos;

RUA DOS BARÉS – Trecho entre Rocha dos Santos e Pedro Botelho;

RUA MARQUÊS DE S. CRUZ – Trecho entre rua dos Barés e Miranda Leão;

RUA TABELIÃO BESSA – Trecho entre rua dos Barés e Barão de São Domingos;

RUA BARÃO DE SÃO DOMINGOS – Trecho entre tabelião Bessa e Pedro Botelho

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Anúncio

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email

Siga-nos

Notícias Recentes

JC Play

Podcast

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email