8 de maio de 2021

Você há de estar se perguntando o porquê dessa adjetivação, eu explico. Escolhi para hoje alguns verbos que condizem à classificação de “capciosos”, dado ao fato de serem um tanto ardilosos, arguciosos para iludir-nos. São eles: “deseducar”; “supor”; “há anos atrás” (“Anos atrás”).

DESEDUCAR

Chegou até mim a dúvida se existia o verbo “deseducar”. Tanto existe o verbo quanto, por exemplo, o substantivo feminino “deseducação”. Vamos aos significados. “Deseducar. 01. Estragar a educação de. 02. Educar mal”. Ex: “os avós são pais com açúcar, duvido que essa doçura amorosa deseduque os netos.

SUPOR

O verbo “supor” é derivado do verbo “pôr”, sendo assim, a conjugação será idêntica a do verbo primitivo. Ex: “Se você supuser que será um bom negócio, mergulhe de cabeça!” (supuser e não supor).

HÁ ANOS ATRÁS (ANOS ATRÁS)

Por conta da redundância, do pleonasmo constante em “há anos atrás” (verbo “haver” nesse caso já tem sentido de tempo passado, então o “atrás” é desnecessário e proibido) o advérbio de tempo passou a ser evitado, mesmo quando o verbo “haver”, com sentido de tempo passado, não está presente. Podem usá-lo com tranquilidade, a menos, é claro, que suscitem redundância.  Ex: “Anos atrás ocorreu o batizado da filha da Yolanda.” (correto).

Foto/Destaque: Divulgação

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email