Trarei alguns verbos que, quando mal-empregados ou mal redigidos, podem causar problemas de entendimento ou confusões ortográficas. Mas para que servem os verbos, eles são essenciais numa construção? O verbo é uma das partes mais importantes numa construção, mas pode haver decodificação sem verbo. Sendo assim, vejamos, só haverá oração se nela existir pelo menos um verbo. Por outro lado, na frase essa condição não impera, isto é, a frase é uma oração sem verbo. E a função do verbo, qual é? Alguém sabe? O verbo pode indicar ação; estado; mudança de estado; fenômenos da natureza etc. Depois desse introito, vamos aos verbos eleitos de hoje.

ATERRIZAR X ATERRISSAR X ATERRISAR

As duas formas primeiras são dicionarizadas, funcionam como sinônimas e uma não é mais correta do que a outra. O que não existe é “aterrisar”, com “s”. Em uma roda de amigos levantou-se a questão e dei a explicação a mim solicitada, mas as dúvidas persistiram. Então, consultei um dicionário, versão eletrônica, e mostrei aos meus incrédulos, mas queridos, amigos a existência de ambas. Há quem jure, de pé junto, que “aterrissar” é a única opção acertada para esse verbo, mas, como já vimos, não é verdade. Nesse caso, “aterrizar” e “aterrissar” fazem parte igualmente de nosso idioma.

VERBO SUGESTIONAR

Estava no carro escutando rádio quando o locutor, disse: “gostaria que você, ouvinte, sugestionasse a respeito do assunto”. Achei estranho o emprego de “sugestionar” nessa oração e tratei de estacionar o carro e checar no dicionário eletrônico do meu celular os sentidos, ao certo, desse verbo. Vamos a eles. “Sugestionar. 01. Produzir sugestão em; inspirar; estimular; sugerir. 02. Fazer que se apresente ao espírito; insinuar; sugerir. 03. Pron. Experimentar o efeito de sugestão.” Para mim algo clássico relacionado à sugestão, a sugestionar alguém, refere-se à capacidade que uns têm de hipnotizar outros. Não se trata de mágica e sim de técnica e de buscar, primeiramente, aqueles mais sugestionáveis, fáceis de serem induzidos. Entendem por que a oração que ouvi na rádio parece meio sem sentido? De repente, o locutor quisesse que o ouvinte desse sua opinião ou sugerisse algo sobre o assunto. Mesmo fazendo um esforço semântico para entender o verbo “sugestionar” nesse contexto oracional, percebemos que ele foi mal-empregado e, provavelmente, causou dúvidas em alguns ouvintes mais atentos.

ADENTRAR X ENTRAR

São sinônimos, até certo ponto, pois ambos encerram mais significados. “Adentrar. 01. Fazer entrar. 02. Entrar. 04. Internar-se; embrenhar-se.” Notem que na acepção 02. encontramos o significado “entrar”, logo eles são sinônimos, sim. Mas, notem, que “adentrar” vai além de “entrar”, carrega em si mais sentidos e sentidos diferentes de “entrar”. Vamos adiante. “Entrar. 01. Passar de fora para dentro; ir ou vir para dentro. 02. Arraigar-se. 02. Adentrar. 03. Iniciar-se; principiar. 06. Desembocar; desaguar […].” Da mesma feita, “entrar” vai além de “adentrar” e, se observarem, em um bom dicionário, há 34 significados para o verbo “entrar”, consultem depois e se ilustrem, eu aprendo todos os dias e nunca me julgo pronta.

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email