Varejo local cresce 8,6% em junho

O comércio varejista do Estado do Amazonas apresentou um crescimento de 8,3% nas vendas realizadas em junho, num quadro comparativo ao mesmo período do ano anterior. No acumulado dos 12 meses anteriores a esse período a elevação foi de 10,4%. Esse resultado consta na pesquisa mensal sobre o comércio varejista divulgada ontem pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística).
O presidente da CDL-Manaus (Câmara de Dirigentes Lojistas), Ezra Azury Benzion, avaliou que o aumento nas linhas de créditos oferecidas ao consumidor é o principal motivo desse aquecimento. “Hoje, a maior parte das lojas oferecem a opção de venda a longo prazo, facilitando meios de pagamento acessíveis à população”, disse.

O atual contexto macroeconômico, como equilíbrio de inflação e redução da taxa de juros Selic, fixada hoje em 11,5% são outros fatores favoráveis ao varejo. Segundo projeções econômicas, o país terá um índice de inflação abaixo de 5% neste ano, o que permite equilíbrio na manutenção de preços e valorização de renda do trabalhador. “Até o momento, no geral, os preços estão estáveis e deverão continuar assim nos próximos meses”, justificou Benzion.
As sucessivas quedas na taxa de juros do país surtem conseqüências positivas na elevação do potencial de compra do consumidor, em razão de facilitar o acesso às linhas de créditos a longo prazo. Como a taxa Selic do Brasil acumula sucessivas quedas desde o início do ano, os juros bancários de financiamentos também têm diminuído.

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email