4 de julho de 2022
Prancheta 2@3x (1)

Valuation para venda: por que fazer e como calcular?

Saber quanto sua empresa vale no mercado é um dado muito valioso para um empreendedor. A partir dessa informação, ele pode verificar quais as perspectivas para seu negócio e tomar diversas decisões a partir disso. Por isso, é muito importante usar a metodologia de valuation para a venda de companhias.

O valuation tem como objetivo estabelecer um preço para a empresa, mas não necessariamente a partir de uma conta óbvia. Com esse método, empresários e investidores podem chegar a negociações que encontrem um valor justo para uma companhia.

Diversos fatores devem ser levados em consideração na hora de fazer esse tipo de avaliação. Por isso, o valuation não deve ser encarado como uma metodologia meramente contábil. Ela também abrange aspectos reputacionais e estruturais de uma empresa.

Abaixo explicamos um pouco mais sobre o que é valuation e como funciona essa metodologia.

O que é valuation?

O valuation pode ser traduzido simplesmente como avaliação de empresas. Essa é uma metodologia utilizada justamente para calcular quanto que uma empresa vale. Mas como explicamos acima, não é por meio de uma simples fórmula matemática.

O valuation utiliza certas premissas e depende de variáveis de mercado. Por isso, o resultado alcançado nem sempre é absoluto, ou seja, mesmo que se utilize o mesmo método para calcular o valor de uma empresa, pode ser que resultados diferentes sejam atingidos a depender dessas variáveis mais subjetivas.

Por que fazer a avaliação de uma empresa?

Avaliar uma empresa é importante para investidores que querem saber o valor de uma empresa e analisarem, com base no resultado, se é interessante ou não investir no negócio.

Já para o empreendedor, é altamente relevante fazer esse cálculo, não apenas para ajudar na hora de uma possível negociação de venda, mas também para prospectar investidores ou simplesmente saber como o negócio está evoluindo e se precisa de ajustes para valorizá-lo no caso de uma expansão futura.

Ainda que haja divergência, o valuation sempre acaba fornecendo tanto ao empreendedor quanto ao investidor informações relevantes sobre a companhia e o que influencia em seu valor, o que é muito útil para as negociações.

Ainda o Valuation também deve ser usado na venda de empresas entre sócios, para assim conseguir justificar para o sócio adquirente qual o valor justo da composição societária.

Como calcular o valuation?

O cálculo de valuation pode ser realizado por meio de metodologias diferentes. Em geral, são três métodos os mais utilizados para avaliar uma empresa:

  1. Fluxo de caixa descontado

Essa metodologia consiste em descontar o valor presente dos fluxos de caixa de uma companhia, excluindo dívidas. Posteriormente, o valor da dívida será subtraído. Essa estimativa dará um resultado sobre o quanto a empresa deve lucrar no futuro, descontando os riscos que ela deve ter.

  1. Múltiplos de mercado

Outro método de avaliação utilizado é a partir de múltiplos de mercado. Nesse caso, o valor da empresa é calculado com base na comparação de seu desempenho frente a companhias concorrentes ou semelhantes. Essa comparação pode ser feita a partir do EBITDA (lucro organização antes de juros, impostos, depreciação e amortização); do lucro líquido; ou do fluxo de caixa operacional.

  1. Valor patrimonial

O valuation com base no valor patrimonial é um método que calcula todos os ativos de uma empresa, desde que sejam tangíveis – como imóveis, máquinas, dinheiro, etc. Não leva em conta, portanto, a força da marca, reputação, qualidade do capital humano, ou outra premissa intangível. Por isso, o valor pode ser um pouco aquém dos demais, pois muitas vezes são os ativos intangíveis de uma companhia que acabam elevando seu potencial e aumentando o poder de negociação na hora da venda.

Como usar o valuation?

A partir desse cálculo, cabe ao empreendedor saber utilizar o valuation na argumentação sobre o valor de seu negócio. Dados como lucratividade, projeção de crescimento, rentabilidade independente dos ativos, variedade de clientes, força da marca, durabilidade no longo prazo e o controle de riscos e passivos são extremamente relevantes no momento das negociações.

Ao reunir essas informações, o processo de venda fica mais fácil e seguro, chegando a um valor justo para a transação. Mas para que o valuation para a venda de uma empresa seja feito da maneira correta, é importante contar com um assessoria especializada, como a Capital Invest oferece consultoria em M&A, auxiliando empreendedores a se prepararem para compra e venda de empresas com maior valor e menor risco.

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Anúncio

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email

Siga-nos

Notícias Recentes

JC Play

Podcast

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email