A presidente Dilma Rousseff escolheu a hora errada para vir a Manaus. Está prevista sua passagem pela cidade amanhã para inaugurar um conjunto de habitações populares e conversar com políticos locais. Ocorre que, sem a prorrogação dos incentivos da Zona Franca, que ela prometeu e ainda não cumpriu e com os problemas verificados no abastecimento de energia e nas obras para a Copa, o clima não é dos melhores para ela. Pela primeira vez a pessoa que dirige a Nação pode ser hostilizada no Estado. É muito provável que seus adversários aproveitem sua passagem por aqui para cobrá-la duramente, com manifestações de rua, inclusive. E não é bom para alguém que se prepara para disputar uma reeleição passar a impressão de que está perdendo um de seus maiores redutos. Tudo conspira contra a visita presidencial, mas até a noite de ontem ela estava confirmada. A princípio, ela chegaria hoje, pernoitaria e cumpriria os compromissos amanhã. Como a agenda foi muito reduzida, o desembarque está previsto para as primeiras horas da manhã desta sexta-feira.

INTERDITADO

O juiz titular da 1ª Vara da Fazenda Pública Estadual, da Comarca de Manaus, Ronnie Frank Torres Stone, acatou pedido do Ministério Público Estadual, em ação civil pública proposta em 2012, e decretou a imediata interdição do Centro de Convenções (Sambódromo). Com isso, o desfile da escolas de samba fica prejudicado. Restam apenas pouco mais de 20 dias para que a Secretaria de Cultura reverta o quadro.

SINCERIDADE

O presidente da Câmara Municipal de Manaus, Bosco Saraiva (PSDB), não tem o mesmo otimismo do presidente da Assembleia Legislativa, Josué Neto, quando o assunto é o quórum em período eleitoral. “Em um ano de grandes eventos nacionais e internacionais que movimentarão a cidade, principalmente no segundo semestre de 2014, entre eles a Copa do Mundo e as eleições, vai ser muito difícil manter a assiduidade dos vereadores”, reconhece.

REI NÚ

O prefeito de Coari, Adail Pinheiro (PRP) está só. Quase todos os deputados estaduais, inclusive alguns aliados dele, assinaram o pedido de criação da CPI (Comissão Parlamentar de Inquérito) da Pedofilia, que vai investigar os casos de abuso sexual contra crianças e adolescentes no Estado do Amazonas. Dos 24 parlamentares, vinte e dois assinaram o requerimento. Apenas o deputado Francisco Souza (PSC) se recusou a apoiar as investigações. Wilson Lisboa (PC do B) viajou, mas seu partido garante que ele assinaria o documento.

APOIO

Até na Câmara Municipal de Manaus a CPI da Pedofilia recebeu apoio. O vereador Álvaro Campelo (PP) elogiou, ontem, a atitude da Aleam por encorajar a campanha contra a pedofilia. “A Assembleia merece o nosso reconhecimento e apoio. A CMM precisa dar sua parcela de contribuição e participação na CPI”, destacou o parlamentar.

CONTRAPONTO

A CPI poderia começar os trabalhos constatando a precariedade da infraestrutura física dos prédios, a limitação logística para o desenvolvimento dos trabalhos, equipamentos sucateados e, inclusive, falta de material de expediente e limpeza dos Conselhos Tutelares, que são os responsáveis por zelar pela integridade física e moral das crianças e dos adolescentes do Estado.

CLAREZA

O deputado Josué Neto (PSD) colocou em tramitação projeto de lei de sua autoria que torna obrigatória a presença de pelo menos um profissional treinado em primeiros socorros, para oferecer atendimento adequado aos tripulantes e passageiros das embarcações comerciais, que operam nas linhas de transporte fluvial no Estado do Amazonas. É preciso explicar melhor como será reconhecido e oferecido este treinamento.

REAJUSTE

Tudo indica que está a caminho um aumento nas tarifas de energia elétrica em todo país. A Agência Nacional de Energia Elétrica propõe que os consumidores paguem, em 2014, um total de R$ 5,6 bilhões para cobrir o deficit estimado para a CDE (Conta de Desenvolvimento Energético), que é um fundo que financia ações como o programa ‘Luz para Todos’, subsídio à energia para famílias de baixa renda e em comunidades isoladas no Norte do país.

QUANTO É

As receitas da CDE somaram, em 2013, R$ 12,4 bilhões, enquanto as despesas totalizaram R$ 18 bilhões. Se esse prejuízo for repassado aos consumidores, vai representar uma alta de 4,6% nas contas de luz deste ano.

PREPARAÇÃO

O governador Omar Aziz abriu na manhã desta quarta-feira (12), a reunião de Alinhamento e Integração dos Planos Operacionais para a Copa do Mundo da FIFA Brasil 2014. O evento, que também contou com a presença do ministro do Esporte, Aldo Rebelo, reúne representantes de todos os órgãos das esferas federal, estadual e municipal envolvidos na organização do Mundial, que terá Manaus como uma das 12 sedes.

INSPEÇÃO

A Secretaria Geral de Controle Externo do Tribunal de Contas do Estado do Amazonas agendou para o dia 5 de maio o início das inspeções de 2014 nos 61 municípios do interior, referente às prestações de contas do ano de 2013, que serão entregues no TCE-AM até o dia 31 de março. O plano de inspeção, que levou em consideração a Copa do Mundo e feriados de abril, será realizado em duas etapas: uma do dia 5 de maio a 10 de junho e a outra do dia 14 de julho até o final do mês de agosto.

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email