Há um ano, quando o primeiro caso de Covid-19 foi confirmado no estado do Amazonas, as entidades do setor industrial do estado – FIEAM, CIEAM, ELETROS e ABRACICLO – se anteciparam à fome que atingiria a população amazonense devido à recessão econômica ocasionada pela pandemia e se uniram para socorrer estas famílias em situação vulnerável através dos projetos beneficentes em Manaus.  No final do mês de março, o interior do Amazonas foi atendido com mais 14 toneladas de alimentos que foram enviados para os municípios do sudoeste e sul do estado atingidos pela enchente deste ano – Boca do Acre, Eirunepé, Itamarati, Envira, Ipixuna, Pauini e Guajará-Mirim (Rondônia). Para o Estado do Acre foram enviados mil máscaras modelo N95, mil máscaras hospitalares descartáveis, 500 protetores Face Shield, 100 caixas de álcool em gel com 1.200 frascos. Além dos alimentos, a Ação conseguiu enviar doações para outros municípios.

REGIÃO METROPOLITANA

Até o mês de fevereiro de 2021, mais 92 toneladas de alimentos foram arrecadadas e enviadas para comunidades de Manaus e Região Metropolitana, alcançando também a população ribeirinha e famílias indígenas na área urbana da capital. Para relembrar este 1º ano de Ação Social Integrada do Polo Industrial de Manaus, as entidades lançaram um book nas redes sociais com registros, dados e depoimentos de voluntários, gestores de instituições beneficentes e presidentes das entidades parceiras do projeto.

OS 100 DIAS

A gestão do prefeito de Manaus, David Almeida (Avante), completa 100 dias neste sábado (10). Os dados referentes à administração nesse período inicial de 2021 vão ser apresentados em coletiva de imprensa, na segunda-feira (12), às 10h, no auditório Isabel Victoria de Mattos Pereira do Carmo Ribeiro, na sede da Prefeitura de Manaus.

VACINAÇÃO

vacinação
Foto: Divulgação

A partir da próxima segunda-feira (12) Manaus começa a vacinar pessoas com qualquer das comorbidades elencadas como prioritárias pelo Ministério da Saúde. Os primeiros a ser vacinados serão os da faixa etária de 55 a 59 anos, que serão recebidos nos sete pontos de vacinação da Secretaria Municipal de Saúde, ao longo da semana, em ordem decrescente de idade e de acordo com o agendamento eletrônico do Imuniza Manaus.

INFLUENZA

O prefeito de Manaus, David Almeida, anunciou também a abertura, na próxima segunda-feira (12) da 23ª Campanha de Vacinação contra Influenza na cidade. Considerando o quantitativo de vacinas encaminhadas pelo Ministério da Saúde ao município de Manaus até este momento, a campanha vai atender inicialmente crianças na faixa etária de seis meses a menor de dois anos, gestantes e puérperas (mães no pós-parto até 45 dias).

MAIS DOSES

O Governo do Amazonas recebeu, na madrugada de sexta-feira (09), 53.750 doses de imunizantes contra a Covid-19, enviadas pelo Ministério da Saúde, por meio do Programa Nacional de Imunizações. Essa é a 12ª remessa de vacinas enviadas ao estado, composta de 30.750 mil doses da vacina AstraZeneca e 23.000 mil doses da vacina CoronaVac.

SEM SIGILO

O juiz de Codajás, Geildson de Souza Lima, decretou a quebra do sigilo bancário e fiscal do prefeito de Codajás, Antônio Ferreira dos Santos, do seu vice, Cleucivan Gonçalves Reis e do funcionário público Jozenilson Lopes Pontes, por crime eleitoral ocorrido durante a campanha de 2020, quando foram flagradas na casa de Antônio Ferreira, 200 cestas básicas que seriam distribuídas a eleitores. “Não há dúvidas de que existem indícios suficientes de corrupção eleitoral e abuso do poder econômico por parte dos investigados”, escreveu o juiz em sua decisão.

SINAL DOS TEMPOS

Pela primeira vez em 127 anos de história, o Diário Oficial do Estado do Amazonas deixou definitivamente de circular na versão impressa e, agora, passa a ser exclusivo na internet. A mudança, que ocorreu a partir da última segunda-feira (05), quando foi ao ar a edição nº 34.474, com o novo visual e espaço para notícias, faz parte do processo de modernização do Diário Oficial, que vem acontecendo desde 2019.

CASTANHA

governo
Foto: LUCAS SILVA SECOM

O Governo do Amazonas repassou, na sexta-feira (09), R$ 994,2 mil para a agroindústria de castanha-do-brasil Abufari Produtos Amazônicos, instalada em Tapauá (a 449 quilômetros de Manaus). O cheque simbólico foi entregue hoje pelo governador Wilson Lima. O valor faz parte de um investimento de R$ 1.059.773,89 do Estado para fomentar a produção de castanha-do-brasil no município, beneficiando também os castanheiros da região.

FRASES

“Não investigar os gastos na maior pandemia dos últimos 100 anos é negligência e omissão da Aleam.” Wilker Barreto (Podemos), deputado estadual

“Precisamos ampliar o debate sobre a segurança pública.” Omar Aziz (PSD), senador

Foto/Destaque: Divulgação

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email