7 de maio de 2021

Muito conhecido e influente no Amazonas, o empresário Durango Duarte passou a ser o pivô de disputas que ocorrem nos bastidores da Prefeitura de Manaus e do Governo do Amazonas. Ele já havia vendido ao Estado um projeto de redefinição da imagem e estrutura da Secretaria de Estado da Saúde. Na eleição municipal do ano passado foi um dos coordenadores da campanha do deputado estadual Ricardo Nicolau (PSD) à Prefeitura de Manaus. Mas foi como dono de instituto de pesquisa que construiu a sua carreira. Agora, tenta dominar a comunicação das duas esferas de poder, como forma de contemplar os próprios interesses, já que tem um vultoso contrato com a Prefeitura; uma empresa de publicidade externa – a Imarketing – e um portal de notícias – Real Time. Está sendo contestado com veemência pelos concorrentes, mas espalha ter conseguido “dominar” os secretários Rodrigo Araújo (Estado) e Emerson Quaresma (município), que seriam seus novos aliados. Os chefes, Wilson Lima (PSC) e David Almeida (Avante), nem desconfiam disso.

PÉ FRIO

Durango Duarte tem fama de pé frio. Atuou como um dos coordenadores da campanha derrotada do senador Eduardo Braga (MDB) ao Governo em 2014; repetiu a dose na campanha de Marcelo Ramos (PL) a prefeito em 2016; conduziu o senador Omar Aziz (PSD) ao quarto lugar na campanha para governador em 2018 e agora não conseguiu colocar Nicolau no segundo turno. Desde que “colou” no governador Wilson Lima, a popularidade deste só caiu. David Almeida já colocou as barbas de molho.

INTERNADO

O cantor Zezinho Correa, líder do grupo Carrapicho e ícone da cultura amazonense, foi internado ontem em um hospital particular de Manaus, depois de testar positivo para a Covid-19. Ele sentiu dor de cabeça, febre e dor na garganta na véspera e teve cerca de 50% do pulmão comprometido. Por isso os médicos optaram por interna-lo preventivamente, até porque trata-se de um membro do grupo de risco.

SUSPENSAS

Estão suspensas, até o dia 26 de janeiro, as atividades presenciais na sede da Assembleia Legislativa do Amazonas, conforme decisão do Ato nº 001 da Mesa Diretora, assinado e publicado na manhã desta terça-feira (5). Como medida de prevenção à infecção e à propagação da Covid-19 no Amazonas, a decisão visa resguardar a saúde dos servidores e da população.

TJAM TAMBÉM

Portaria publicada no Diário da Justiça Eletrônico desta terça-feira (05), assinada pelo presidente do Tribunal de Justiça do Amazonas, desembargador Domingos Chalub, suspendeu até o dia 31 de janeiro deste ano, o protocolo de retorno gradual dos serviços presenciais no âmbito das unidades do Tribunal, em decorrência do aumento de casos de contaminação e de mortes por covid-19 no Estado. 

HABBEAS CORPUS

O desembargador plantonista Délcio Santos negou Habeas Corpus Coletivo, impetrado por Paulo César Rodrigues em favor das pessoas que queiram participar de manifestações, programadas para esta terça-feira (05), contra decisão judicial que determinou ao Estado a suspensão das atividades não essenciais durante 15 dias, como forma de tentar conter o avanço dos casos de covid-19 no Amazonas. Os dados divulgados pelos órgãos oficiais nos últimos dias de dezembro/2020 demonstraram elevação, inclusive no número de mortes em consequência da doença.

crédito

CRÉDITO

O Governo do Amazonas antecipa, para a próxima segunda-feira (11), a concessão do Crédito Emergencial para microempreendedores, profissionais liberais, autônomos e produtores rurais. O auxílio é oferecido por meio da Agência de Fomento do Estado do Amazonas com o objetivo de ajudar o setor afetado pela pandemia tanto na capital quanto no interior. Os valores dos financiamentos variam de R$ 500 a 100 mil, de acordo com a atividade produtiva de crédito do interessado.

Dez municípios da Região Metropolitana de Manaus assinaram contratos no valor global de R$ 123,5 milhões com a Caixa Econômica Federal, articulados pelo senador Eduardo Braga (MDB) no Ministério do Desenvolvimento Regional. Os recursos serão aplicados na requalificação do sistema viário urbano de Autazes, Careiro, Itacoatiara, Itapiranga, Manaquiri, Novo Airão, Presidente Figueiredo, Rio Preto da Eva, e a implantação em Manacapuru do primeiro projeto de aterro sanitário do Amazonas.

CERTIFICAÇÃO

A Processamento de Dados Amazonas S.A, empresa pública ligada ao Governo do Amazonas, acaba de conquistar a manutenção da certificação ISO 9001:2015. Certificada pela primeira vez no ano de 2000, a Prodam agora chega ao 21º ano consecutivo detentora de um dos mais importantes atestados da eficiência corporativa, o selo de gestão da qualidade empresarial.

FRASES

bolsonaro

“O Brasil está quebrado e eu não consigo fazer nada.” Jair Bolsonaro (sem partido), presidente da República

arrecadação

“Vou precisar desligar os celulares e descansar.” Serafim Corrêa (PSB), deputado estadual, ao anunciar nas redes sociais que contraiu a Covid-19

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Anúncio

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email

Siga-nos

Notícias Recentes

JC Play

Podcast

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email