14 de abril de 2021

Doze mil servidores públicos municipais receberam R$ 8,9 milhões em Auxílio Emergencial (Lei nº 13.982/2020), do governo federal, irregularmente e já são alvo de investigação no âmbito federal. Os dados estão na Nota Técnica assinada pelo presidente do Tribunal de Contas do Amazonas, conselheiro Mario de Mello, e pela superintendente da Controladoria Geral da União, Seção Amazonas, Mona Liza Prado Benevides Ruffeil. Os números são fruto de um cruzamento de dados realizado pela CGU-AM, baseado nos números fornecidos pelo TCE-AM, no mês passado. O Tribunal de Contas integra a Rede de Controle do Amazonas e, sempre que é acionado, fornece dados técnicos aos membros da rede. Conforme o levantamento disponibilizado, os 12.359 servidores, entre eles vários profissionais efetivos e temporários — muitos da área da saúde, como médicos, por exemplo —, receberam o benefício instituído pelo Executivo federal para auxiliar pessoas de baixa renda a enfrentar a crise econômica causada pela pandemia do novo Coronavírus (Covid-19).

DETALHES

Do total identificado pelo cruzamento, 4.207 receberam o valor pelo ExtraCad; 5.205 pelo CadÚnico e 2.947 receberam pelo Bolsa Família, totalizando um montante desviado de R$ 8.902.200,00. Entre os beneficiados estão, também, estagiários lotados nas repartições públicas.

PROTEÇÃO

A Comissão Parlamentar de Inquérito da Saúde solicitará da Polícia Federal reforço na segurança dos membros que compõem a comissão, que investiga irregularidades na Saúde do Estado nos governos de 2011 a 2020. A visita ao superintendente da PF no Amazonas, delegado Alexandre Silva Saraiva, será na tarde da próxima segunda-feira, dia 6. O pedido também será encaminhado à Procuradoria-Geral da República.

França

AJUDA

O apelo do prefeito de Manaus, Arthur Virgílio Neto (PSDB), dirigido aos líderes de países ricos, solicitando ajuda para combater a Covid-19 e proteger as etnias indígenas e os povos tradicionais do Amazonas foi ouvido pelo governo da França, que destinou recursos na ordem de €$ 500 mil, aproximadamente R$ 3 milhões, para serem investidos no fortalecimento de ações de enfrentamento à pandemia nas áreas de assistência social e saúde.

UFAM NA MIRA

O Ministério Público Federal emitiu recomendação para que os processos seletivos promovidos para ocupação de vagas nos Programas de Residência Multiprofissional e Uniprofissional da Universidade Federal do Amazonas observem os princípios da Administração Pública previstos no artigo 37 da Constituição Federal. A recomendação é direcionada ao pró-reitor de Pesquisa e Pós-graduação e à Coordenadora da Comissão de Residência Multiprofissional em Saúde, ambos da Ufam, especialmente para a adoção de medidas relacionadas à publicidade dos certames, aos critérios do processo seletivo, à aplicação das provas, aos recursos apresentados e à publicidade dos inscritos, gabaritos e resultados.

ALERTA

Na campanha Julho Amarelo 2020, que trata do combate às hepatites virais, a Prefeitura de Manaus pretende reforçar o alerta sobre a importância da prevenção e do diagnóstico precoce durante todo o mês de julho. Para combater a doença, a Secretaria Municipal de Saúde possui 133 unidades de saúde para realização de testes rápidos para as hepatites B e C, além de HIV e sífilis, e a imunização para hepatites B e A estão disponíveis nas salas de vacina da rede municipal.

APELO

Na semana em que se comemora o Dia do Cooperativismo, uma das iniciativas do deputado Adjuto Afonso (PDT) foi interceder junto à Agência Reguladora dos Serviços Públicos Delegados e Contratados do Estado do Amazonas, para que as cooperativas de transportes alternativos que operam nos arredores de Manaus, retornem às atividades em sua totalidade, tendo em vista que atualmente operam de forma limitada obedecendo ao Executivo em razão da pandemia Covid 19.

RETORNO

Após três meses sem realização, em função da pandemia da Covid-19, a Feirinha de Artesanato da avenida Eduardo Ribeiro, no centro histórico da cidade, volta às atividades neste domingo (5). Com o apoio da Prefeitura de Manaus, mais de 250 artesãos receberão o público com a recomendação de seguir as medidas de prevenção ao contágio pelo novo coronavírus.

REABERTOS

O Teatro Amazonas, o Centro Cultural Palácio da Justiça e o Palacete Provincial, administrados pelo Governo do Amazonas, por meio da Secretaria de Estado de Cultura e Economia Criativa, reabriram para visitação turística. Em todos os espaços, estão sendo cumpridos protocolos de segurança para a prevenção da Covid-19. A visitação está com horário reduzido e só poderá ocorrer por meio de agendamento on-line. Os parques Jefferson Péres e Rio Negro também voltaram a receber a população.

FRASES

“Não tenho medo de bandido pé-de-chinelo, mas os do colarinho brando têm muito a perder.” Wilker Barreto (Podemos), deputado estadual, justificando solicitação de reforço na segurança dos membros da CPI da Saúde

“Não quero elogios.” Domingos Chalub, novo presidente do Tribunal de Justiça em discurso de posse

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email