Um caminho para empreender

Tao. Do dicionário chinês, significa ‘Caminho’. O nome escolhido para a clínica de medicina tradicional chinesa não poderia ser mais conveniente. As fisioterapeutas Cynthya Barros e Bruna Freire seguem na contramão do cenário econômico atual e inauguram um espaço especializado em acupuntura e outras técnicas orientais.
“Nós reconhecemos que o momento não seria o mais adequado para abrirmos o próprio negócio, mas não tivemos escolha”, destaca Bruna. A fisioterapeuta conta que conheceu sua sócia na Universidade, onde estudaram juntas e, um tempo depois de formadas, começaram a trabalhar em parceria. “Na época, prestávamos serviços em uma clínica e dividíamos a porcentagem com o proprietário. Isso funcionou muito bem até o dia em que ele decidiu assumir novos projetos que o fizessem se desvincular das antigas técnicas”. O empurrão -fantasiado de susto -veio há dois meses apenas.
“A ideia era criar um fundo para que pudéssemos abrir uma clínica no final do ano, mas precisamos tomar uma decisão imediata e arriscamos”, conta Cynthya.
Além da dupla especializada em medicina chinesa, dermatologia e oncologia, outros três fisioterapeutas também ficaram ‘desabrigados’. “Todos queríamos buscar caminhos melhores, mas ninguém se mexia”, Freire resume. O fisioterapeuta Lauro Bueno, especialista em osteopatia clínica e fisiologia do exercício e suas sócias Sione Lopes (especializada em Biomecânica) e Luana Lombardi (especializada em ortopedia), embarcaram na jornada. Assim surgia a Tao e a Especiale: um complexo localizado no bairro Vieiralves que reúne técnicas variadas.
Uma das alternativas que ‘salvou’ a dupla foi não ter mexido no saldo das transações feitas com cartão de crédito. “Como já pensávamos em ter um lugar só nosso, há três meses não sacávamos o dinheiro da conta e foi essa economia que nos permitiu ir tão longe”, comenta Freire.
“Quando olhamos ao redor, não conseguimos medir como conseguimos inaugurar em tão pouco tempo”, brinca a fisioterapeuta. Com sessões que custam de R$ 70 a R$ 150 e três salas, a Tao tem capacidade para atender até cinco pacientes ao mesmo tempo – sendo quatro na acupuntura e um no RPG.

A paixão pela medicina oriental

Inconformada com a medicina ocidental, que trata diretamente a doença, Bruna descobriu na medicina chinesa sua verdadeira paixão. “Nós tratamos a origem da doença, buscamos onde tudo começou”, define. Segundo Freire, todo problema físico é oriundo de uma alteração emocional.
“Eu tive uma tendinite e tratei na acupuntura. Aquilo me curou com uma rapidez que me deixou curiosa. Tudo é energia e já está comprovado que, assim como temos veias e artérias, temos também vias energéticas e isso não tem nada a ver com crença ou religião”, destaca a especialista.
Os resultados dos tratamentos com a técnica famosa pela utilização de agulhas são comprovados. “Muitos pacientes procuram fisioterapia porque sentem uma dor específica e depois de algumas sessões tradicionais, o Dr. Lauro bate à porta com um caso pedindo nossa orientação. Trabalhamos juntos e conseguimos notar logo uma melhora”, acrescenta Cynthya.
Além dos tratamentos físicos, a acupuntura também é recomendada para casos de ansiedade, estresse, emagrecimento e distúrbios emocionais. “As pessoas não querem mais tomar remédios controlados e encontram na medicina chinesa a alternativa que precisam”, diz Bruna, enquanto escuta no consultório canções de meditação com sons da natureza. Não tem como não ficar zen.

Medicina histórica e cheia de mistérios

A Medicina Tradicional Chinesa é a denominação usualmente dada ao conjunto de práticas de Medicina Tradicional em uso na China, desenvolvidas ao longo dos milhares de anos da sua história. Ela é baseada numa estrutura teórica de natureza filosófica, tendo como base o reconhecimento das leis fundamentais que governam o funcionamento do organismo humano e sua interação com o ambiente segundo os ciclos da natureza.
O destaque para esse segmento é a aplicação de uma abordagem tanto ao tratamento das doenças quanto à manutenção da saúde através de diversos métodos preventivos.
O Diagnóstico na Medicina Tradicional Chinesa é a herança deixada pelos antigos médicos chineses, que através dos tempos foram melhorando a anamnese. Embora aparentemente simples, é muito eficaz -as observações a serem feitas incluem observar, ouvir, cheirar, perguntar e tocar, destacam-se no diagnóstico a observação da língua e o exame do pulso.
Na Prevenção de doenças, a medicina chinesa assume um papel ativo, ao contrário do Ocidente, e faz uso da sua experiência milenar, do seu carácter abrangente e multidisciplinar para incrementar os níveis de saúde e bem-estar das populações.

O QUÊ? Tao – Cura e Acupuntura
ONDE? Rua Rio Purus, 460 – Vieiralves
INFORMAÇÕES:(92)3345-1146/ 98282-5242
www.facebook.com/taocuraeacupuntura

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email

Siga-nos

Notícias Recentes

JC Play

Podcast

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email