Toda a população adulta do Amazonas deve ser vacinada até agosto

O Amazonas deve vacinar toda a população adulta do Estado contra a Covid-19 até agosto deste ano, segundo estimativas do governador Wilson Lima (PSC). Ontem, ele e o prefeito de Manaus, David Almeida (Avante), fizeram um balanço da grande mobilização realizada no último final de semana para imunizar todas as pessoas acima de 40 anos na capital.

O governador disse que sua previsão tem como base o cronograma de distribuição de doses de imunizantes feito pelo Ministério da Saúde em todos os Estados. “Se não houver nenhum atropelo e for mantido normalmente o repasse de doses, até agosto todas as pessoas acima de 18 anos estarão imunizadas”, prevê Wilson Lima.

Ele anunciou que, em 15 dias, haverá um novo ‘viradão’ na campanha em Manaus, semelhante ao que ocorreu no sábado (12) e no domingo (13). “Dependemos muito do governo federal para dar continuidade e mais celeridade aos trabalhos da vacinação”, acrescentou o governador do Estado.

Ainda segundo Wilson LIma, a SES-AM (Secretaria de Estado da Saúde do Amazonas) elabora um planejamento para a realização de mutirões de vacinação nas cidades polos do interior do Estado.

“Todas as estruturas do Estado estão à disposição na medida que formos recebendo vacinas. Temos condições de mobilizar nossas equipes, colocar todo mundo em campo, fazendo outras grandes ações como fizemos no último final de semana”, afirmou o governador.

Ele admitiu, porém, que a logística é complicada para vacinar todas as pessoas nos 62 municípios ribeirinhos. E disse que as equipes de vacinadores demoram até 15 dias (em viagens de ida e volta) para chegar a algumas localidades. “Estamos com uma força-tarefa em atuação para ajudar com esses gargalos e, ao mesmo, desenvolvemos a programação para realizar mutirões nas cidades polos, o que permitirá ampliar a cobertura vacinal no Amazonas”, disse.

Êxito

De acordo com David Almeida, a grande mobilização para vacinar as pessoas com faixa etária a partir dos 40 anos foi um êxito em Manaus. “Seremos a primeira capital do Brasil a vacinar toda a população, e hoje temos muito o que comemorar em nossa cidade. Eu e o governador trabalhamos na mesma direção, buscando o melhor para a população, e já disse a ele, assim que receber mais doses, não mediremos esforços, novamente, para um novo mutirão”, ressaltou. “Manaus já deu muito por nós, agora é nossa vez de dar nossa contribuição para o futuro da cidade”, ressaltou o prefeito.

David Almeida disse que o grande mutirão realizado no último final de semana durou 34 horas ininterruptas, vacinando pelo menos 141.460 pessoas nas faixas etárias de 40 a 51 anos com a primeira dose da vacina AstraZeneca, da Fiocruz (Fundação Oswaldo Cruz). “O próximo alvo dessa mobilização serão as pessoas de 30 a 39 anos. Já iremos mostrar uma imagem diferente para o Brasil”, explicou o prefeito.

O último balanço da FVS-AM (Fundação de Vigilância em Saúde do Amazonas) aponta que 1.609.835 doses contra a Covid-19 foram aplicadas em todo o Estado até essa segunda-feira (14), sendo 1.101.421 de primeira dose e 508.414 de segunda dose. A informação está disponível no site da FVS-AM por meio do link https://bit.ly/35lL5s0

Os dados consolidados pela FVS-AM são das secretarias municipais de saúde, responsáveis pela operacionalização da imunização contra Covid-19 em suas cidades.

Foto/Destaque: Divulgação

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email